Início Site

Guarda chuvas

  Baila em minha alma; canta em minha polidez.. Chega de diesel , filantropia , artrose penas de rei.. Agora eu sonho some, disfarça contra a qualquer...

Alibi

  Me pego as vezes  pensando a problemática do suicido. Eu me espanto com os dados qualitativos que descubro . O primeiro deles é que...

Espinheiro

  Se eu não soubesse quem tu fosses , me embebedaria de absinto, maquinaria de poeira  caustica o meu rosto, me jogaria do prédio na...

Onda do Futuro

  Que tal darmos lugar ao absurdo ao invés do  principio ativo que encobre nossas vergonhas? Preciso deixar de confiar 100% em mim mesmo, principalmente...

Oculto

Confessar para que?  Abrir as comportas do peito e permitir que qualquer  adentre e faça deste local sagrado o que bem entender sem  Nyhan...

Hygge

Deu vontade cruzar o mundo de-repente, e degustar do café quente em Pab bankerat ( cidade conjunta a Copennhague  anexa a Dinamarca. Imaginei-me deitado...

Tia do meu tempo

  Avise a tia Amnésia que hoje não vou visita-la. Quero ficar no meu pedaço reservado sozinho para medita-la. E eu não posso me render...

Estratagema do futuro

    De frente a tela do computador eu preparo minha estratagema para o dia. O golpe que irá decidir os novos rumos. Vestindo um traje...

Lições da queda

  Qual é o impeto de viver? saber de tudo tem seu fim independente de seu credo , classe social. Dê um grito dentro dentro...

Dia 31

  Maio já esta no final . O que somos nós afinal?? (Kid Abelha) Um olhar no espelho cheio de duvidas.. Um poço de virtudes desconhecidas,...

SOBRE MIM

Luiz Renato Vicente é acadêmico de Filosofia da UEM (Universidade Estadual de Maringá). Vencedor de duas Edições do Prêmio Melhor Leitor do Ano pela Rotary Club Internacional e Semuc. 2017 ( 2º lugar) e 2019 ( 1º lugar) na categoria adulto. Autor do Livro Desamparo ( Micro-Contos) Pela Editora AR Publisher Editora.