Projeto que revoga consórcio entre Novo Centro Cívico e Eurogarden é adiado

A pedido do vereador Do Carmo (PV), feito com base em relatório que o edil disse ter recebido do Observatório das Metrópoles da Universidade Estadual de Maringá (UEM), o projeto de lei de autoria do Pode Executivo que revoga a Operação Consorciada Urbana, entre o Novo Centro Cívico e o Eurogarden, foi retirado de pauta por uma sessão.

A discussão será retomada na terça-feira (24/4). A proposta foi aprovada em primeira discussão na terça-feira (17/4). O projeto para revogação da lei que criou o consórcio foi  feito a partir de uma decisão conjunta tomada entre a Prefeitura de Maringá e a Argus Empreendimentos Imobiliários.

Últimas vagas de Empregos