Vereadores cobram justificativa sobre índice de aumento de 8,3% no preço da tarifa de ônibus. EstaR terá reajuste de 9,3%

Por: - 10 de julho de 2018
Com aumento de 9,3%, preço do EstaR sobe para R$ 1,75 (Imagem/PMM)

Representantes da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob) e da empresa Transporte Coletivo Cidade Canção (TCCC) foram convocados pelos vereadores a comparecer à Câmara Municipal na quinta-feira (12/7) para justificar o índice de aumento de 8,3% no preço da tarifa de ônibus.

O pedido partiu do vereador Homero Marchese (Pros) e foi feito com urgência para garantir que as explicações cheguem antes do recesso Legislativo.

O reajuste de 8,3% foi anunciado na quinta-feira (5/7), dois dias após o prefeito Ulisses Maia (PDT) ter enviado nota à imprensa informando que o aumento solicitado pela TCCC estava descartado. Com o aumento, a tarifa no Cartão Passe Fácil subiu de R$ 3,60 para R$ 3,90.

Entre as maiores cidades do Paraná, Maringá tem a terceira tarifa mais cara, atrás de Curitiba e Londrina, onde as passagens custam R$ 4,25 e R$ 3,95 respectivamente. Em Ponta Grossa, a tarifa do transporte coletivo é de R$ 3,80.

Para Marchese, não ficou explícito qual a base utilizada para o reajuste do transporte coletivo em Maringá. “Fica dando a impressão de que a prefeitura tem vergonha de justificar porque está aumentando e não apresenta as informações completas”, afirma.

O vereador refere-se as planilhas de custos que compõe a tarifa da TCCC, que até as 16 horas desta terça-feira (10/7) ainda não tinha sido disponibilizadas na página da Semob na internet. “A gente tem a planilha só de 2016. Não tem as planinhas desse ano e do ano passado, os dados são públicos e precisam ser divulgados.”

Marchese lembrou que o reajuste na tarifa do transporte coletivo é o dobro do anunciado pelo Governo do Estado para o transporte metropolitano, de 4,03%. “A fórmula para calcular o reajuste da tarifa depende do reajuste dos funcionários da TCCC e esse reajuste ainda não foi resolvido”, pondera.

Em reportagem divulgada pelo programa Tribuna da Massa, da Rede Massa, o vereador Jean Marques (PV), líder do prefeito na Câmara, afirmou que não teve acesso às planilhas e também tem interesse em conhecer as justificativas para o segundo aumento do ano no preço da tarifa de ônibus.

No site da prefeitura onde deveria constar esse material, só se acham as planilhas de 2013 à 2016. Os anos de 2017 e os dois aumentos de 2018 não estão disponíveis.

A gerente de transporte coletivo, Fabiane Prabella, explica que a planilha que especifica os itens que compõe o preço da passagem é composta por uma fórmula já prevista em contrato. “São diversos itens que formam o preço como o acordo coletivo, o valor anterior, o valor do diesel, o índice geral de preço e muitos outros”.

Fabiane afirmou que ainda nesta terça-feira (10/7), as planilhas serão divulgadas.

Às 18h15 desta terça-feira (10/7) a assessoria de imprensa da Prefeitura de Maringá encaminhou ao Maringá Post os links das planilhas de 2017 e de 2018.

EstaR terá reajuste de 9,3% em agosto

A Prefeitura de Maringá anunciou que o preço do Estacionamento Rotativo (EstaR), válido por uma hora, vai subir 9,3%. O valor passa dos atuais R$ 1,60 para R$ 1,75, tornando-se o segundo estacionamento mais caro entre as maiores cidades do Paraná.

O decreto foi publicado na sexta-feira (6/7) e a medida começa a valer no dia 6 de agosto, trinta dias após a publicação.

Entre as cidades mais populosas do Estado, apenas Curitiba tem o estacionamento mais caro que Maringá. Na capital paranaense, uma hora de estacionamento custa R$ 2.

Porém, o valor anunciado pela Prefeitura de Maringá é 2,9% maior do que o praticado em Londrina. Na segunda cidade mais populosa do Estado, uma hora de estacionamento rotativo custa R$ 1,70. Em Ponta Grossa, a hora do estacionamento custa R$ 1.

O diretor de Fiscalização da Secretaria de Mobilidade Urbana, Marcelo Filite, diz que o reajuste ficou dentro da faixa de preço de outras cidades do Estado. “O que houve foi uma readequação no valor. É em Londrina e Curitiba que Maringá tem que se espelhar. Ponta Grossa vem atrás e com certeza irá se espelhar em Curitiba e Maringá para fazer esse processo.”

Segundo ele, desde 2015 não havia nenhum tipo de reajuste e que foi feito um levantamento de toda a inflação acumulada no período.

Cerca de 5,2 mil vagas são monitoradas pelo EstaR em Maringá. Para facilitar o acesso do contribuinte, a Semob pretende informatizar o sistema de estacionamento via aplicativo.

De acordo com Filite, uma licitação deverá ser aberta para contratar o serviço e a expectativa é que, apesar dos prazos legais, o sistema esteja pronto até o início do próximo ano.

Para Filite, com o aplicativo o motorista poderá fazer todas as operações pela internet e novas vagas podem ser abertas para atender a demanda da cidade. “Em localidades como as avenidas Pedro Taques e Cerro Azul o contribuinte está pedindo a instalação do EstaR. A partir desse processo de informatização, a gente consegue incluir mais vagas”, explica.



Sicredi União PR/SP anuncia abertura de 49 vagas de emprego na regional Maringá e Noroeste

Plano de expansão prevê abertura de dez pontos de atendimento em 2019 no Paraná, três deles em Maringá. 

Empresa divulga vídeo e descarta suposto caso de assédio em ônibus do transporte coletivo de Maringá

Diante da repercussão, o motorista decidiu procurar o setor de Recursos Humanos da TCCC para esclarecer os fatos.

Inscrições do concurso público do Aeroporto de Maringá abrem na quarta. Até terça dá para pedir isenção na taxa

Pedidos de isenção da taxa de inscrição precisam ser feitos entre esta segunda-feira (18/2) e a terça-feira (19/2).

Socióloga de Maringá é escolhida como embaixadora do Paraná em projeto nacional de Protagonismo Feminino

Trabalho visa a construir um futuro para o Brasil a partir da igualdade de gênero e da liberdade do feminino.

Saiba o que pensam os quatro deputados federais de Maringá sobre a reforma da previdência. Um é contra

Para ser aprovada, a proposta que mexe com o sistema previdenciário precisa dos votos de pelo menos 308 deputados.

Sicredi União PR/SP anuncia abertura de 49 vagas de emprego na regional Maringá e Noroeste

Plano de expansão prevê abertura de dez pontos de atendimento em 2019 no Paraná, três deles em Maringá. 

Empresa divulga vídeo e descarta suposto caso de assédio em ônibus do transporte coletivo de Maringá

Diante da repercussão, o motorista decidiu procurar o setor de Recursos Humanos da TCCC para esclarecer os fatos.

Inscrições do concurso público do Aeroporto de Maringá abrem na quarta. Até terça dá para pedir isenção na taxa

Pedidos de isenção da taxa de inscrição precisam ser feitos entre esta segunda-feira (18/2) e a terça-feira (19/2).

Socióloga de Maringá é escolhida como embaixadora do Paraná em projeto nacional de Protagonismo Feminino

Trabalho visa a construir um futuro para o Brasil a partir da igualdade de gênero e da liberdade do feminino.

Saiba o que pensam os quatro deputados federais de Maringá sobre a reforma da previdência. Um é contra

Para ser aprovada, a proposta que mexe com o sistema previdenciário precisa dos votos de pelo menos 308 deputados.

Empregos em Maringá

Últimas vagas de Empregos

GUIAS