Crescer: um objetivo e três opções certeiras para alavancar uma empresa

Maringá Post D&R negócios Mundo dos Negócios

O número de fusões e aquisições de empresas brasileiras bateu um recorde histórico em 2017, de acordo com a consultoria KPMG, que acompanha o índice desde de 1994. No ano passado foram contabilizadas 830 operações envolvendo empresas brasileiras, 12% a mais do que em 2016, quando foram realizadas 740 operações. Ainda de acordo com a consultoria, o segundo semestre do ano passado foi considerado o melhor da história em número de fechamentos de fusões e aquisições.

Esses dados sinalizam que o mercado brasileiro tem reconhecido vantagens nas operações de compra e venda de empresas. As aquisições e fusões são realmente um dos caminhos mais rápidos de crescimento, quando comparados ao crescimento orgânico ou natural. Por expansão orgânica ou natural entende-se o crescimento a partir de um esforço próprio da empresa existente.

Mas quais os benefícios de cada tipo de crescimento? Listamos alguns deles neste post.

  • Mundo dos negóciosComprar uma empresa

Como dissemos, essa é a estratégia mais rápida de crescimento, embora nem sempre seja a mais barata.  A aquisição de estrutura existente otimiza o crescimento tanto pelos ativos quanto pela equipe de trabalho incorporados. Os melhores administradores e colaboradores de cada empresa podem ser absorvidos para formar um conjunto com mais know how. Por meio da aquisição, se incorporam outros ativos da empresa adquirida como patentes, licenças, marcas, canais, cuja conquista orgânica seria bem mais lenta.

Por meio da aquisição é possível ainda reduzir um concorrente, ganhar mercado e vantagens competitivas. Se com a aquisição houver aumento de escala dá para reduzir custos de produção e divulgação.

Escolher uma empresa consolidada em ramo diferente daquele em que o empresário já atua também é um meio mais seguro de entrar em novos mercados e diversificar o risco.

Em alguns casos, a aquisição permite pagar menos impostos. São exemplos: compra de negócio em Estado com tributos mais baratos ou compensação de lucros acumulados em uma pelos prejuízos de outra.

O grande desafio do crescimento pela compra de empresa é encontrar a empresa-alvo e contar com um processo qualificado de negociação e fechamento. Claro, também é preciso prever as estratégias pós-compra, isto é, dialogar com a nova equipe, administrar possíveis choques culturais, etc. Nesse E-book falamos mais sobre Compra e Venda de Empresas.

  • Fazer uma fusãoMaringá Post D&R negócios Mundo dos Negócios

O mercado de fusões, já referido no início do texto, realmente vem ganhando mais visibilidade no Brasil nas últimas décadas. Essa tem sido uma potente alavanca de crescimento ou a única forma de sobrevivência para empresas de todos os ramos. Embora, os segmentos que lideram os números de fusões no Brasil sejam o de Internet e tecnologia da informação e de serviços para empresas, de acordo com a consultoria KPMG.

A fusão Itaú-Unibanco, em 2008, deu origem ao maior conglomerado financeiro privado do Hemisfério Sul e um dos 20 maiores bancos do mundo. Pequenas e médias empresas também se unem para enfrentar as grandes. Outras vezes fundem-se as de grande porte que querem ganhar mercado. Portanto, são formas de alavancar o crescimento ou garantir domínio de mercado de forma rápida.

Cada parte entra com seu percentual de ações normalmente sem desembolso financeiro. Equipe, marca, empresa são unificadas. A conta que justifica uma fusão é simples. Juntas, duas ou mais empresas podem representar mais do que valeriam separadamente. É exatamente essa a premissa ideal para uma operação de fusão.

O processo de fusão, contudo, é complexo. Deve-se garantir equidade e proporcionalidade nessa operação. E ter muito, muito cuidado no processo de integração das equipes. Para a maior parte dos especialistas, esse é um dos pontos determinantes do êxito da fusão. Leia mais sobre benefícios de compra, venda e fusão de empresas.

  • Crescer organicamente

Esse tipo de crescimento aumenta o controle do empresário sobre o processo já que ele pode ditar o ritmo. E ajuda a preservar a cultura da organização porque torna desnecessária adaptação a uma realidade já existente.

O investimento para fomentar esse tipo de expansão pode ser menor do que o despendido na compra. Mas é muito importante ter alguns cuidados. Por exemplo, certificar-se de que os custos administrativos do crescimento serão menores do que a rentabilidade com a expansão. Outro perigo comum é comprometer o fluxo de caixa, sem conseguir reverter depois.

Nesse sentido, cada segmento é impactado de uma forma pelo crescimento. No caso de varejo e de serviços, por exemplo, é importante avaliar disponibilidade de equipe para atender ao novo empreendimento e planejar a qualificação desse time. Na indústria, é fundamental prever as necessidades de capital de giro para fomentar a ampliação. Nesse E-book falamos mais sobre “Características que você precisa observar em cada segmento antes de investir” 

Escreva para nós e conte-nos se está gostando de nossos textos e/ou sugira temas que sejam de seu interesse. [email protected]

Dejair Baptista de Paula Jr, é sócio-fundador da D&R Negócios Empresariais. Desde 2006, realiza intermediação de fusões e aquisições (compra e venda de empresas) e avaliação de empresas (valuation). Adora atualizar-se e estudar. Tem MBA em Gestão Empresarial pela Universidade Estadual de Maringá (UEM), em Gestão Financeira pela Unicesumar e cursos em sua área de atuação na Universidade de Stanford, nos Estados Unidos. Sua experiência profissional envolve vários assuntos estratégicos para os empresários e seus negócios, como:
- Caminhos para mensurar o valor de uma empresa no mercado e os caminhos por meio dos quais ela pode valer mais;
- Maneiras de saber se é o momento certo de vender e/ou de encontrar a empresa certa para investir;
- Estratégias para garantir segurança, eficiência e preço justo em uma negociação de compra e venda de empresas;
- Meios de garantir equidade e proporcionalidade em operações de fusão de empresas;
Mas, muito além disso, a convivência estreita com os empresários lhe garante proximidade com suas demandas, necessidades, expectativas, estratégias... O objetivo desse blog é justamente tratar sobre todos esses assuntos que compõem o Mundo dos Negócios.
Você também está convidado a conectar-se a ele usando: [email protected] / (44) 3029-5309 / Whatsapp (44) 9923-4544 / www.dernegocios.com.br
Últimas vagas de Empregos