É prazeroso ganhar mais dinheiro

sendo um leproso sagaz que defende o ébrio

Que substancia faz uso aquele discursa?

Será o individuo que governa a palavrões

que prova do néctar dos dias ?

Se acomoda no solstício planetário nomeando as estrelas

Vale mais um diploma nada parede que a serenidade ?

Quanto vale as premissas de Tomas de Aquino em sua prudência prenhe de lucidez?

A partitura da febre molda se choca coma incerteza do amor.

Luiz Renato Vicente é acadêmico de Filosofia da UEM (Universidade Estadual de Maringá). Vencedor de duas Edições do Prêmio Melhor Leitor do Ano pela Rotary Club Internacional e Semuc. 2017 ( 2º lugar) e 2019 ( 1º lugar) na categoria adulto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here