Governador convida Ulisses Maia para se filiar ao PSD e prefeito não descarta mudança de sigla

Por: - 20 de maio de 2019
Ulisses Maia esteve ao lado de Ratinho Junior em coletiva de imprensa na Expoingá / Reprodução Facebook Ulisses Maia

Os partidos políticos começam a discutir as alianças e definir estratégias para as eleições municipais em 2020. Em Maringá, é certo que o atual prefeito Ulisses Maia (PDT) vai disputar a eleição. A dúvida é se ele continua no PDT ou vai migrar para outra sigla.

Para o Maringá Post, Ulisses Maia afirmou que foi convidado pelo governador para se filiar ao PSD. O prefeito de Maringá disse que não descarta a possibilidade de mudança. “Não estamos discutindo ainda essa questão político-partidária, o momento é inapropriado para isso. O governador assumiu há quatro meses e há uma série de ações administrativas para serem tomadas, mas vamos avaliar mais para frente”.

Maia esteve ao lado de Ratinho Junior em coletiva de imprensa nesta quinta-feira (16/5) na Expoingá e uma série de outros eventos oficiais. O prefeito apresentou demandas municipais para o governador e disse que as respostas foram positivas.

“Ele reafirmou o compromisso com Maringá e com a nossa administração, liberou R$ 7 milhões agora para ações de recape e com o compromisso de liberar mais e chegar a R$ 20 milhões, além do viaduto do Catuaí. Essas duas conquistas estão definidas e são compromissos dele”, afirmou.

A relação de Maia com o governador se estreitou durante a campanha, quando o prefeito confirmou em grupos de WhatsApp o apoio a candidatura de Ratinho Junior ao Governo do Paraná. Porém, a decisão de Maia não agradou o PDT, partido que ele é filiado.

O natural era que o prefeito declarasse apoio ao MDB do então candidato João Arruda, com quem o PDT estava coligado. Agora, com o convite do governador para Maia ir ao PSD, outro aspecto que vai pesar na decisão é que o vice-prefeito de Maringá, Edson Scabora, migrou para o MDB e assumiu a direção do partido na cidade.

De olho no cargo de Ulisses Maia, a articulação avança entre os partidos. No Partido dos Trabalhadores (PT) o nome mais provável para disputar as eleições é do deputado federal Enio Verri. Do outro lado, o deputado estadual Homero Marchese (Pros) não confirma que é pré-candidato, mas também não descarta nenhuma possibilidade.

O NOVO abriu processo seletivo para escolher o candidato a prefeito de Maringá e o Progressistas (PP), do deputado federal Ricardo Barros, pretende se coligar a outros dois partidos para disputar a eleição. Além disso, outros nomes de possíveis pré-candidatos são ventilados no meio político da cidade.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.