Ricardo Barros diz não ter ficado frustrado com resultado da eleição para presidência da Câmara dos Deputados

Por: - 7 de fevereiro de 2019
Ricardo Barros esteve nesta quarta-feira em Maringá para acompanhar a cerimônia das obras do Contorno Sul / Murillo Saldanha

O deputado federal Ricardo Barros (PP) disse que não ficou frustrado com o resultado da eleição para a presidência da Câmara dos Deputados. Na semana passada, sem apoio do partido que fechou com Rodrigo Maia (DEM), o maringaense disputou o cargo e recebeu apenas quatro votos. Só ficou na frente do deputado General Peternelli (PSL-SP), que teve dois votos.

Para Ricardo Barros, que esteve nesta quarta-feira (6/2) em Maringá para acompanhar a solenidade das obras de restauração do Contorno Sul, o resultado da eleição para presidente da Câmara dos Deputados “não é um problema de viabilidade eleitoral, mas de oportunidade”. Essa foi a primeira vez que ele falou sobre o resultado da eleição após a votação.

Ele disse que ao se candidatar quis expor no discurso a ideia de “enfrentamento do judiciário e do Ministério Público”. Na visão do deputado, alguns temas importantes como  a demarcação de terras indígenas e aborto de anencéfalos, que deveriam ser discutido no legislativo, tem se tornado pauta no judiciário.

“Meu discurso foi no sentido do empoderamento do legislativo, do combate a usurpação que o Judiciário tem feito nas nossas prerrogativas e na necessidade do legislativo enfrentar temas polêmicos, que quando nós não enfrentamos damos a possibilidade do Supremo Tribunal Federal decidir”, afirmou Barros.

O PP de Ricardo Barros faz parte da base de apoio do presidente Jair Bolsonaro (PSL), mas o deputado declarou que também pretende atuar de forma independente. “Pessoalmente, quero que o governo dê certo. Farei o que estiver ao meu alcance para contribuir com o Brasil, por meio do meu mandato. Evidentemente, vou fazer o que sempre fiz em Brasília, ajudar a construir um país melhor”.



Empresa divulga vídeo e descarta suposto caso de assédio em ônibus do transporte coletivo de Maringá

Diante da repercussão, o motorista decidiu procurar o setor de Recursos Humanos da TCCC para esclarecer os fatos.

Sicredi União PR/SP anuncia abertura de 49 vagas de emprego na regional Maringá e Noroeste

Plano de expansão prevê abertura de dez pontos de atendimento em 2019 no Paraná, três deles em Maringá. 

Denúncia de suposto assédio em ônibus de Maringá na rede social tem reação enérgica do prefeito. Caso não teve B.O.

A denúncia de suposto assédio em ônibus do transporte coletivo em Maringá feita por meio do Twitter na terça-feira (12/2) chegou até o prefeito...

Socióloga de Maringá é escolhida como embaixadora do Paraná em projeto nacional de Protagonismo Feminino

Trabalho visa a construir um futuro para o Brasil a partir da igualdade de gênero e da liberdade do feminino.

Empresa divulga vídeo e descarta suposto caso de assédio em ônibus do transporte coletivo de Maringá

Diante da repercussão, o motorista decidiu procurar o setor de Recursos Humanos da TCCC para esclarecer os fatos.

Sicredi União PR/SP anuncia abertura de 49 vagas de emprego na regional Maringá e Noroeste

Plano de expansão prevê abertura de dez pontos de atendimento em 2019 no Paraná, três deles em Maringá. 

Denúncia de suposto assédio em ônibus de Maringá na rede social tem reação enérgica do prefeito. Caso não teve B.O.

A denúncia de suposto assédio em ônibus do transporte coletivo em Maringá feita por meio do Twitter na terça-feira (12/2) chegou até o prefeito...

Socióloga de Maringá é escolhida como embaixadora do Paraná em projeto nacional de Protagonismo Feminino

Trabalho visa a construir um futuro para o Brasil a partir da igualdade de gênero e da liberdade do feminino.

Criado em Maringá, aiqfome é o app de delivery mais bem avaliado do Brasil, à frente do iFood

Na Apple Store, a nota dos usuários do aiqfome é 4.9 e na Google Play, 4.8.

Empregos em Maringá

Últimas vagas de Empregos

GUIAS