ACIM propõe escala de horário e atendimento reduzidos para reabrir comércio em Maringá

Por: - 15 de abril de 2020
Comércio em Maringá deve voltar a abrir com horários e funcionamento reduzido/ Foto: Divulgação

Para que o comércio de Maringá volte a abrir, a Associação Comercial e Empresarial de Maringá (ACIM) apresentou ao prefeito Ulisses Maia (PSD) um projeto de funcionamento gradual do comércio. Neste modelo, cada setor iniciaria as atividades em determinado horário e com número de funcionários reduzidos, proporcional ao tamanho da empresa.

“A ideia é que o mercado abra em um horário, o comércio de rua em outro, shopping em outro e a industria em outro”, explica a assessoria da ACIM. A ideia de rodízios de horários foi pensada para não sobrecarregar o transporte coletivo.

O modelo é parecido com o que foi proposto na quarta-feira (8/4), quando empresários da ACIM se reuniram com o prefeito e solicitaram a volta do funcionamento da construção civil e da indústria.

O decreto que autorizou a retomada das atividades na área industrial e na construção civil, começou a valer a partir de segunda-feira (13/4). Neste decreto, ficou estabelecido que a industria só poderia voltar a funcionar com funcionários reduzidos, proporcional ao porte.

“No comercio será semelhante. Dependendo do tamanho do comércio será estipulado a quantidade de funcionários que poderão voltar ao trabalho”, propõe a ACIM.

A proposta ainda esta sob análise do prefeito Ulisses Maia e não tem previsão de resposta. Outros detalhes a respeito do projeto serão divulgados após a decisão da administração.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.