Ticnova também é para quem quer iniciar um negócio e não está por dentro das tecnologias. Veja dicas de palestras sobre gestão de novos empreendimentos

Por: - 22 de agosto de 2018
Empreendedorismo e outros modelos de negócio foram temas de palestras do Ticnova 2018 (Imagem/ Divulgação)

É recorrente ouvir que a tecnologia está em tudo e, para explicar isso, se recorre ao termo genérico IoT ou Internet das Coisas. São tecnologias que funcionam há mais de uma década e estão ligadas a segmentos como saúde, agronegócio, indústria e até direito. Sim, estamos rodeados de tecnologia, mas tem gente ainda não acordou para isso.

Por isso, este ano o Ticnova não ficou restrito apenas para quem percebeu que as inovações tecnológicas podem ser aliadas no mundo dos negócios. A 6º edição do evento, que começa nesta quinta-feira (23/8) e vai até domingo (26/8), também é aberta para quem está pensando em empreender, ou quer entende melhor o que é uma startup e como criar um modelo de negócio nesse estilo sem correr tantos riscos.

Entre as 50 palestras do evento, as trilhas Biz e Startup são as mais voltadas para capacitar quem tem interesse em empreender ou já tem o próprio negócio, aliando tecnologia e inovação. Quem diz: “Ah, mas não estou envolvido nesse meio tecnológico”, pode estar enganado. Para Regina Acutu, organizadora do evento, quem tem um smartphone, assiste Netflix, escuta Spotfy ou manda mensagem no WhatsApp, já esta inserido nas novas tecnologias.

“O Ticnova abraça a cidade inteira, porque hoje todo mundo vive de tecnologia. Nas indústrias, por exemplo, onde o controle de todo o processo da cadeia produtiva é feito através de softwares visando ao aumento de produção para evitar gargalos. Tudo é relacionado a inovação, no sentido de ter aumento de produtividade e redução de perdas”, diz Regina.

Um dos maiores eventos de tecnologia do Sul do país, o Ticnova começa nesta quinta com a palestra do fundador da Easy Taxi, Tallis Gomes, de 31 anos. No ano passado, ele foi eleito pelo MIT o jovem mais inovador do mundo.

Entre os palestrantes também está o mentor de dezenas de startups e empreendedor Diogo Takayama. Ele pretende ajudar quem está pensando em dar o pontapé inicial e começar um novo negócio. O palestrante vai falar sobre MVP, protótipo e a importância dessas duas ferramentas para evitar riscos em um novo empreendimento.

Segundo Takayama, o protótipo serve para testar uma etapa do produto ou do serviço e o MVP para testar e validar a solução do empreendedor ou do serviço como um todo. “Quanto mais ele entender como faz isso de forma correta, ele conseguirá fazer um produto ou serviço de forma mais assertiva para o mercado. Ele não vai precisar ficar mudando depois de pronto ou fazer algo que ninguém compre”, explica.

Dicas de outras palestras para quem quer empreender

  • O Empreendedor do Século XXI (pensar como empresário) – Palestrante: Igor Remígio, CEO do aiqfome, o terceiro maior aplicativo de comida do Brasil
  • Canais e vendas – Palestrante: Thiago Alves de Souza, CEO do Ideia no Ar, maior lançadora de startups do Brasil
  • Gestão da Inovação – Palestrante: Victor H. Bussola, trabalha com projeto ALI de  Inovação pelo Sebrae
  • Empresas do futuro são as empresas com propósito – Palestrante: Lena Peron, diretora da Casa Feito Brasil, considerada uma das empresas mais criativas
  • Por que buscar algo novo para o seu negócio é simples – Palestrante: Tania Gomes Luz, mentora no Programa Sp Stars e premiada no Empreendedores de Sucesso da PEGN
  • Economia criativa: Cultura e Tecnologia – Palestrante: Decio Coutinho, fundador da Rede Nacional de Gestores de Fomento e Incentivo à Cultura
  • Segurança e proteção jurídica frente as novas tecnologias – Palestrante: Fernando Peres, advogado na área de direito digital e crimes cibernéticos

 

  • SERVIÇO:
    • TICNOVA, maior evento de tecnologia e inovação do Sul do país
    • Data: 23 a 26 de agosto de 2018
    • Local: Sebrae, Av. Bento Munhoz da Rocha Neto, 1116 – Zona , Maringá
    • Ingressos à venda aqui.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.