O que precisamos aprender enquanto sociedade do trabalho sobre comprometimento

comprometimento no trabalho

Para que uma empresa seja produtiva, é preciso ter engajamento. Entenda como estimular o comprometimento na área de trabalho.
Imagem: Freepik / Foto criada por @senivpetro

Nos últimos anos eu tenho rodado o Brasil inteiro, em contato com empresários de todos os estados, participo de vários eventos na área de RH e Gestão de Pessoas. Diante de toda essa experiência, contatos e palestras sempre que converso com um empresário um assunto sobressai e é sempre polêmico: a falta de comprometimento no ambiente de trabalho.

Você também já percebeu isso na sua empresa? Essa é, sem dúvidas, a principal reclamação dos empresários, executivos e empreendedores de todo o país. Muitos me perguntam “como incentivar o comprometimento dos colaboradores?”.

Primeiramente, precisamos entender que estamos vivenciando um momento inovador para o mercado de trabalho: várias gerações atuando no mesmo time, cada uma com as suas características e especificidades e uma das características que percebemos quando falamos das gerações mais novas é a falta de comprometimento.

Se você é desta geração mais nova, fique calmo! Não estou generalizando e colocando todos os jovens nessa classificação, cada pessoa é única e é formada a partir das experiências vividas, por isso não podemos dizer que todos os colaboradores mais jovens são descomprometidos com o trabalho, mas como citei anteriormente, essa característica já é notada e discutida por muitos empresários, a falta de maturidade profissional.

Para uma empresa ser produtiva e lucrativa é necessário contar com um time engajado, afinal o capital humano é a parte mais importante de qualquer negócio; sem uma equipe engajada e comprometida a empresa nunca evolui para outro patamar por não conseguir aumentar a produção, conquistas, lucros e resultados que a empresa alcança.

Afinal, o que é comprometimento? A palavra comprometimento tem origem no termo em latim compromissus, que indicava o ato de fazer uma promessa recíproca. Por esse motivo, comprometimento é um sinônimo de compromisso e requer responsabilidade. O comprometimento no mercado de trabalho é agir com vigor, motivação e até mesmo identificação com o propósito da empresa.

A falta de comprometimento é prejudicial para os dois lados do vínculo recíproco, tanto para a empresa quanto para o próprio colaborador, fazendo com que um ciclo seja criado: o funcionário que não se compromete não é valorizado, as metas e objetivos da empresa não são alcançados, criando um ambiente organizacional desmotivado e insatisfeito, diminui os lucros da empresa e o ciclo recomeça.

Sempre gosto de relembrar que uma empresa é um sistema, uma hierarquia, e por mais que a gestão de pessoas seja transformacional ainda é preciso entregar resultados, comprometer-se com o trabalho, ter foco, responsabilidade, respeitar a hierarquia, cumprir compromissos, fazer entregas de trabalho com qualidade, se relacionar com as pessoas ouvir e compreender os feedbacks, entre tantas outras necessidades que se tornam parte do mundo adulto.

Uma metáfora que utilizo para essa geração é a “existo logo mereçoe é comprovadamente a geração que apresentou uma queda na qualidade da mão de obra, se comparada às gerações passadas, mesmo que desde o nascimento tenham tido acesso à informação e praticamente tiveram tudo ao seu dispor ou de fácil acesso.

O comprometimento é uma soft skill essencial para o mercado de trabalho e qualquer empresário que tenha um colaborador comprometido o valorizaria em sua equipe. Colaboradores engajados e motivados são mais felizes na vida pessoal e profissional, além de apresentarem inúmeros benefícios para as empresas.

Você é líder de uma equipe? Invista em uma liderança transformacional que promova atividades que aumentam o engajamento dos funcionários com a empresa e entre si mesmos, para construir uma equipe forte e comprometida. Já se você é um colaborador, procure ter pontualidade, ser organizado, tenha interesse em aprender cada vez mais sobre o seu trabalho, se integre com sua equipe e o mais importante: cumpra os prazos de entregas de atividades e seja proativo. Essas são algumas dicas essenciais para aumentar o comprometimento no ambiente de trabalho e gerar resultados satisfatórios para ambas as partes: a empresa e o colaborador.