Jogaram água na cerveja artesanal de Maringá

Por: - 17 de abril de 2018

Há pelo menos uma versão lógica sobre o motivo que teria levado o líder do prefeito na Câmara, Jean Marques (PV), a formular o pedido de retirada de pauta, por duas sessões, do projeto de lei de sua autoria que regulamenta o comércio de alimentos nos food trucks.

Marques e equipe trabalham na elaboração do projeto de lei, que contém 27 artigos, desde o ano passado e a matéria estava na pauta da sessão desta terça-feira (17/4).

Do presidente do Núcleo de Cervejeiros de Maringá (Nucem), Rodrigo Frigo, na tarde desta terça-feira:

A liberação de venda de cerveja artesanal produzida em Maringá (prevista no artigo 5º) gerou reação de alguns donos de food trucks, que também querem vender cervejas que não são artesanais e nem produzidas na cidade. 

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.