Novo portal aposta em tecnologias voltadas para dispositivos móveis

Por: - 15 de outubro de 2020
Novo portal foi desenvolvido para privilegiar o acesso em dispositivos móveis / Divulgação

A Sub100 Sistemas lançou na segunda-feira (12/10) um novo portal que pretende facilitar a experiência do usuário pelo smartphone. A plataforma aposta em tecnologias voltadas para dispositivos móveis, novas ferramentas para imobiliárias, incorporadoras e para quem busca um imóvel, além de uma identidade visual diferente.

O novo portal faz parte do processo de criação de um novo modelo de negócio na Sub100 Sistemas. O processo começou em dezembro do ano passado, quando o fundador Walcir Franzoni recomprou a empresa e voltou a administrar o site de imóveis, que tinha sido vendido para o Grupo Zap em 2015.

Desde a retomada da empresa, Franzoni tinha o desejo de criar um modelo de negócio que rompesse com os padrões estabelecidos no mercado. Segundo ele, a pandemia do coronavírus reforçou a percepção de que os serviços do Sub100 poderiam ser mais digitais.

Walcir Franzoni explica que as mudanças no modelo de negócio visam aproximar os produtos com as necessidades dos clientes. “O Sub100 pretende agregar mais valor e oferecer uma cadeia de novos serviços ao mercado imobiliário a nível de locação e vendas”, afirma.

O novo portal é baseado no conceito mobile first, ou seja, planejado para oferecer um bom desempenho para o público que acessa o site pelo smartphone, que representa cerca de 90% dos usuários do Sub100. A versão para o computador é adaptativa.

“Fomos buscar profissionais que apresentassem a melhor tecnologia, a mais atual e que tivesse a possibilidade de crescer neste momento, para construirmos um produto totalmente novo, usando as melhores tecnologias de desenvolvimento disponíveis hoje”, afirma o proprietário da Sub100 Sistemas, Walcir Franzoni.

Além das novas tecnologias, a Sub100 Sistemas apresenta também novas ferramentas. O site tem uma área específica de lançamentos para que incorporadoras, construtoras e loteadoras possam divulgar os imóveis.

O Sub100 inova e apresenta a possibilidade de visita assistida, baseada no modelo de vendas assistidas. Se o cliente preferir, ele pode fazer a visita nos imóveis escolhidos de forma remota, por meio de uma transmissão de vídeo. Dessa forma, o corretor conversa com cliente em tempo real para mostrar detalhes do imóvel que apenas fotos ou o anúncio não conseguem mostrar.

Segundo Walcir Franzoni, essa é uma forma do consumidor ganhar mais tempo e possibilita que as imobiliárias fechem negócios de forma mais fácil com consumidores de outras cidades, por exemplo, que não precisam se deslocar para visitar os imóveis.

O portal apresenta novos filtros para facilitar a busca dos imóveis. Os clientes podem buscar pelos “imóveis dos sonhos” ou encontrar locais que recebem melhor os pets. Pensando nas próximas gerações de veículos elétricos, o site também permite que os clientes possam filtrar os imóveis que tenham uma tomada para carregar veículo elétrico.

Os textos de descrição dos imóveis vão continuar disponíveis, mas o Sub100 vai oferecer a possibilidade do cliente escutar um áudio do corretor falando sobre o imóvel. O site continua voltado para anúncios de imobiliárias, construtoras e incorporadoras, mas vai oferecer uma base de informação para os proprietários com estatísticas do que ocorre durante o processo de anúncio, como número de visitas e imóveis semelhantes em anúncio.

“Vamos preparar uma base de informação que o proprietário vai se sentir confortável para anunciar com as imobiliárias”, explica Franzoni. Com o novo lançamento, ele afirma que o desejo é relançar em três meses o Sub100 Sistemas em Londrina e Cascavel. Para o próximo ano, o objetivo é reconquistar a posição de líder de mercado no interior do Paraná.

Esta reportagem foi produzida a pedido da Sub 100 Sistemas dentro dos planos de marketing de conteúdo do Maringá Post.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.