Advogado do i7 Group afirma que já está devolvendo dinheiro a investidores

Por: - 26 de outubro de 2017
André Pucca ao lado de Juliano Costa, que seria líder de um grupo e, posteriormente, denunciou a pirâmide / YouTube

O advogado do i7 Group, Sérgio Carlos de Souza, encaminhou nota no começo da tarde desta quinta-feira (26/10) para o Maringá Post, após várias ligações e tentativas de contato da reportagem com representantes da empresa, pelos telefones disponíveis nas postagens da i7.

O advogado solicitou que a nota encaminhada fosse publicada na íntegra. Ele afirmou ter “várias inverdades na reportagem”, embora, mesmo questionado por telefone, não apontou quais seriam estas informações que agora questiona.

Em nota, Sérgio Carlos de Souza também garante que os investidores que acreditaram nas propagandas do i7 terão o dinheiro devolvido.

Segue a nota na íntegra.

“A i7 GROUP afirma que há várias inverdades na reportagem. Devido a um mercado desprovido de legislação específica e que acabou gerando questionamentos, a empresa tomou a decisão voluntária de encerrar suas operações no Brasil, e para tanto procurou o Ministério Público Federal. Os negócios da empresa estão sendo reestruturados e o dinheiro dos investidores já sendo devolvido, de forma consensual.”

A reportagem entrou em contato com o Ministério Público Federal (MPF) do estado do Espírito Santo, mas segundo a assessoria de imprensa da Procuradoria da República há um procedimento que corre sob sigilo de justiça e que não poderia passar mais informações.

Leia a reportagem completa sobre as denúncias dos investidores sobre a pirâmide bitcoin.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.