Soldado Pessuti e Mário Verri saíram na briga no Desfile do Aniversário de Maringá

Por: - 14 de maio de 2018

A briga entre o Soldado Pessuti e Mário Verri (PT) começou pouco tempo após o Desfile do Aniversário de Maringá terminar, na Avenida XV de Novembro.

O vereador passou ao lado de um display do juiz federal Sérgio Moro, onde foi convidado a fazer uma foto. Ele recusou e, logo depois, começou a discutir com o Soldado Pessuti, que participava do ato em favor a Moro junto a integrantes do Movimento Brasil Livre (MBL).

Em algum momento da discussão, Verri deu um tapa no rosto do soldado, que revidou com um soco na face do vereador.

Em entrevista ao programa Balanço Geral da RICTV, Pessuti contou que só não partiu para cima de Verri porque o seguraram.

Logo após a briga, Mário Verri foi até o 4º Batalhão da Polícia Militar, onde registrou uma queixa contra o soldado.

Pessuti procurou a 9ª Subdivisão Policial de Maringá e também registrou um boletim de ocorrência.

Recentemente, o Soldado Pessuti se envolveu em divergências com policiais rodoviários e o vereador Do Carmo (PSL).

Veja abaixo o que eles disseram sobre o episódio.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.