Deputado Ricardo Barros faz declarações polêmicas durante entrevista à Jovem Pan

Nesta edição o destaque foi a entrevista para Jovem Pan de Curitiba do Deputado Federal Ricardo Barros em relação ao valor dos respiradores pago neste momento de pandemia de covid-19.

Confira todos os assuntos

  • Manifestações contra e favor do governo:

Os ouvintes comentaram em relação as manifestações realizadas no último domingo (31), em São Paulo. Em que apoiadores do presidente Jair Bolsonaro e Torcidas organizadas dos quatro grandes clubes de futebol de São Paulo se confrontaram após manifestações pacificas por parte dos dois lados.

  • Boletim do covid-19:

Maringá registrou 8 novos casos de coronavírus nesta segunda, 1º, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde. O total de confirmados, agora, é 379. 201 pacientes já se recuperaram. Os casos notificados hoje são de 3 mulheres e 5 homens, entre 20 e 57 anos. Dos 5.264 casos notificados, 4.469 foram encerrados.

Já o nono boletim semanal sobre coronavírus indica que o município apresenta 35,5% de isolamento social. De acordo com a Secretaria de Saúde de Maringá, o ideal seria que a taxa estivesse em 60%. A informação vem de encontro aos índices apresentados em outras cidades do Paraná, como Londrina, Cascavel e Curitiba, embora Maringá ainda tenha o menor número de mortos por coronavírus. Os números do boletim levam em consideração os casos positivos, segundo critérios epidemiológicos no período de 16 de março a 28 de maio em Maringá. Veja o documento completo no anexo.

Os números e porcentagens apresentados mostram a necessidade de manter isolamento e seguir as medidas de prevenção ao coronavírus mesmo sem notar presença de sintomas. 32,4% dos casos confirmados foram pessoas assintomáticas, ou seja, pacientes que não apresentaram nenhum sintoma. Desses, o maior grupo está na faixa etária de 38 a 59 anos (37,5%).

  • Fala fortes:

O deputado federal Ricardo Barros concedeu entrevista nesta segunda-feira (1), para Jovem Pan Curitiba. Questionado em relação aos respiradores comprados pelos estados, o parlamentar comentou que os gestores podem comprar os equipamentos com valores superfaturados. Para ele que vale é salvar vidas que depois seja realizada as medidas cabíveis para apurar e culpar as pessoas certas.

Assista à edição completa:

Jovem Pan
O trabalho da Rádio Jovem Pan atende aos anseios de seus ouvintes: “nosso público é exigente, quer a melhor informação, o jornalismo correto e analítico. Por esse motivo, a Jovem Pan se desdobra e está sempre à frente de seu tempo, com iniciativas pioneiras que se tornaram norma básica nesta casa”, diz o diretor-presidente da emissora, Antonio Augusto Amaral de Carvalho – o Tuta – acrescentando que a credibilidade da Jovem Pan vem da informação responsável e sem distorções, que analisa e esclarece com a atenção voltada exclusivamente ao ouvinte, o que representa uma forma de atuação no seu próprio tempo.
Últimas vagas de Empregos