Inmet alerta população sobre riscos à saúde por conta do frio intenso

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu alerta de riscos à saúde devido à queda brusca de temperatura em algumas regiões do país.

Ao todo, 11 estados e o Distrito Federal estão na zona de perigo. O aviso teve início às 10h55 de hoje (18) e segue até as 23h de sexta-feira (20).

De acordo com o alerta, as temperaturas devem permanecer 5ºC abaixo da média pelo período de 3 a 5 dias.

O Paraná registrou, até o momento, as temperaturas mais baixas do ano na terça-feira (17). Os dados são do Sistema de Tecnologia e Monitoramento Ambiental do Paraná (Simepar).

Previsão

A massa de ar polar, vinda do Sul do Brasil, chegou hoje ao Distrito Federal que registrou mínima de  8,7°C, durante a madrugada. As temperaturas devem cair ainda mais nos próximos dias, podendo chegar a 5ºC amanhã (19), segundo previsão do Inmet.

Em comunicado, a Defesa Civil do Distrito Federal cita o alerta de perigo à saúde e dá orientações à população com relação ao frio:

– Tenha especial atenção com crianças, idosos e pessoas doentes;

– Mantenha-se agasalhado. Proteja também as extremidades do corpo, use toucas e luvas;

– Beba bastante líquidos;

– Evite manter os ambientes muito fechados. Mantenha sua casa e local de trabalho limpos e arejados. Previna-se contra doenças respiratórias.

– Procure agasalhar seu animal de estimação. Considere o uso de roupas de proteção. Abrigue o em relação ao vento. Forre adequadamente o local de dormir;

– Seja solidário. Doe agasalhos e cobertores para quem precisa. Carregue, se possível, esse material no carro;

– Se precisar permanecer ao ar livre, proteja-se do vento.

Acolhimento em Maringá

Por conta do clima frio, a Prefeitura de Maringá intensificou o trabalho de acolhimento de pessoas em situação de vulnerabilidade social e animais de rua.

De acordo com a Defesa Civil de Maringá, a previsão de temperatura para a madrugada de quinta-feira (19) é de 0ºC.

Ao se deparar com alguém ou algum animal passando frio em situação de rua, a população é orientada a acionar as equipes de acolhimento social pelo telefone (44) 99103-5661, que funciona 24h.

As pessoas podem também contribuir com doações de roupas, sapatos e cobertores. Confira AQUI pontos de arrecadação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.