Entenda como o preconceito se esconde em expressões e ditados

Você já parou para pensar em como algumas expressões e ditados populares, podem ser ofensivos para algumas pessoas?

Muitas vezes esses ditados estão enraizados em nosso vocabulário, e muitas pessoas não enxergam o tom pejorativo que eles possuem. Diversos tipos de preconceito muitas vezes se disfarçam de “piadas” em nossa sociedade.

“Não faça serviço de índio”, “esse aí é igual sol das 10: parece que não, mas queima”, “a coisa vai ficar preta”, “japonês ou chinês, não importa, é tudo igual”, provavelmente você já ouviu alguma dessas frases em algum lugar. Esse tipo de “ditado” alimenta o preconceito contra um grupo de pessoas. 

É sobre essa forma pejorativa que alguns ditados e “piadas” afetam algumas pessoas, que nosso colunista Randy Fusieger trata no texto da QueerPost de hoje. Clique AQUI para acessar o post.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.