Polícia Civil investiga furto dos 43 notebooks da Secretaria de Educação

Segundo a Prefeitura de Maringá, a Polícia Civil já investiga o furto dos 43 notebooks que seriam entregues aos professores da rede municipal de ensino da cidade na segunda-feira (04).

A prefeitura informou que a sede da Secretaria de Educação, onde os notebooks estavam, possuem câmeras de segurança e alarme, e as imagens das câmeras já foram encaminhadas para a polícia.

“A Prefeitura reforça que a Guarda Municipal faz rondas constantes para monitoramento dos prédios públicos. O município seguirá apoiando as investigações para que tudo seja solucionado o mais breve possível”, afirmou a prefeitura em nota.

A prefeitura, porém, não explicou se havia seguro para os equipamentos e nem a razão por optar pelas rondas ao invés de manter vigilância permanente com agentes da Guarda Municipal no prédio. Mesmo com os notebooks no local e, considerando arrombamentos ocorridos em dias anteriores em outros prédios públicos, a administração não ampliou as medidas de segurança.