Obras no aeroporto de Maringá foram monitoradas por satélite

1 de outubro de 2021
monitoradas por satélite
As imagens dos satélites facilitavam o acompanhamento das obras, facilitando o trabalho dos fiscais Foto: INPE

As obras de ampliação do Aeroporto de Maringá, inauguradas nesta sexta-feira, 1°, pelo presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), governador Ratinho Júnior (PSD) e o prefeito Ulisses Maia (PSD), foram utilizadas como teste pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), numa parceria inédita de fiscalização de obras públicas a partir de imagens de satélites que está sendo desenvolvida entre o Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) e o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações.

Na ocasião foram utilizados dois satélites (CBRES-4 e CBRES-4A), que registraram em detalhes a evolução das obras, com imagens nítidas e aproximadas.

“Já confirmada a viabilidade técnica do projeto, ele suprirá as necessidades surgidas com a evolução da pandemia, que vem impedindo a fiscalização in loco por questões de segurança sanitária. Com o apoio do ministro Pontes e do INPE, em breve poderemos fiscalizar obras a distância e em tempo real”, destacou o conselheiro Fabio Camargo, presidente do TCE-PR.