Maringá faz nesta segunda-feira a 1ª dose em adolescentes de 12 a 17 anos com comorbidades

26 de setembro de 2021
adolescentes
A prioridade são os adolescentes com comorbidade porque por enquanto não há vacinas para todos Foto: Bruno Esaki?Agência Saúde

Com o recebimento de vacinas da Pfizer neste final de semana, a prefeitura de Maringá inicia nesta segunda-feira, 27, a aplicação de 1ª dose de vacina contra covid-19 em adolescentes de 12 a 17 anos com comorbidades, deficiência permanente, gestantes e puérperas.

Embora vários municípios paranaenses já tenham iniciado a vacinação de 1ª dose para menores de 18 anos, como é o caso de Maringá, este é o primeiro lote enviado pelo Ministério da Saúde com doses para imunização de menores. A Pfizer é a única vacina aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para imunização de adolescentes.

Neste momento, seriam vacinados adolescentes com comorbidades de 12 a 17 anos e jovens de 17 anos, sem condições pré-existentes, considerando que as doses disponíveis nos municípios só atenderiam este público.

Após a decisão de seguir com a vacinação de adolescentes, mesmo sem comorbidades, o Ministério da Saúde voltou a incluir a vacinação deste público de forma indistinta no Plano Nacional de Imunizações (PNI) e garantiu que até dezembro todos os adolescentes devem ter recebido pelo menos a primeira dose do imunizante da farmacêutica norte-americana.

É obrigatório apresentar declarações no ato da vacinação, além de documento pessoal com foto, carteira de vacinação e comprovante de residência em Maringá. Gestantes entregar também prescrição médica. A vacinação para este público inicia a partir das 13h. Confira as declarações: http://www2.maringa.pr.gov.br/cdn-imprensa/vacinacomorbidade.pdf

 

3ª dose continua

Nesta segunda-feira, a prefeitura está aplicando a terceira dose da vacina contra a covid-19 em idosos com idade acima dos 80 anos que completaram o esquema vacinal há pelo menos seis meses.

adolescentes
Para receber o reforço, é necessário que a pessoa tenha recebido a segunda dose a pelo menos 180 dias Foto: Aldemir de Moraes

A população indígena aldeada e funcionários de instituições de longa permanência para idosos, dos centros de acolhida especial para idosos e do Programa de Assistência ao Idoso também poderão ser vacinados com a terceira dose.

As pessoas imunossuprimidas, aquelas com imunodeficiência primária grave, quimioterapia, transplantados de órgão sólido ou células-tronco, pessoas com HIV/Aids, corticoide em dose maior ou igual a 20mg/dia por mais de 14 dias, drogas modificadoras da resposta imune, doenças intestinais inflamatórias, hemodiálise e doenças imunomediadas inflamatórias crônicas) podem receber a terceira dose. Este público deve apresentar comprovações como declaração médica, receita, exames ou encaminhamento.

 

Drive Thru para quem precisa

A Prefeitura de Maringá reforça que as pessoas com dificuldade de mobilidade são vacinadas no carro. Basta estacionar em frente a Unidade Básica de Saúde e sinalizar para equipe da UBS. Os idosos acamados são vacinados nas residências pela equipes da Secretaria Saúde. As famílias dos idosos precisam solicitar a necessidade na unidade mais próxima de sua residência.

A dose de reforço vale para pessoas com 80+ e imunossuprimidos que tenham tomado as duas primeiras doses de Pfizer (imunizante que será aplicado amanhã) ou de outro fabricante. Ou seja, mesmo quem tomou Coronavac ou Astrazeneca deve tomar o reforço da Pfizer. Todos devem apresentar documento com foto, CPF e carteira de vacinação.

A segunda dose segue destinada para todos os públicos. Confira na caderneta de vacinação se já chegou o momento de receber a imunização completa. Leve o documento pessoal com foto e carteira de vacina. Confira os locais de vacinação:

1ª DOSE: Adolescentes de 12 a 17 anos com comorbidade:
13h às 16h: UBS Zona 7, UBS Aclimação, UBS Alvorada III, UBS Cidade Alta, UBS Ney Braga e UBS Parigot de Souza

3ª DOSE PESSOAS COM 80+
9h às 16h: UBS Floriano (com agendamento), UBS Aclimação, UBS Alvorada III, UBS Império do Sol, UBS Grevíleas, UBS Universo, UBS Cidade Alta e UBS Olímpico.

9h às 17h – UBS Iguatemi, UBS Guaiapó-Requião, UBS Pinheiros,
Policlínica Zona Sul, UBS Iguaçu, UBS Tuiuti e UBS Mandacaru

 

3ª DOSE IMUNOSSUPRIMIDOS
9h às 17h: UBS Iguaçu, UBS Mandacaru, UBS Pinheiros, Policlínica Zona Sul e UBS Tuiuti

2ª DOSE TODOS OS PÚBLICOS
AstraZeneca:
9h às 16h: UBS Floriano, UBS Império do Sol, UBS Grevíleas, UBS Universo, UBS Olímpico, UBS Morangueira, UBS Vila Operária

9h às 17h – UBS Iguatemi

Pfizer: 9h às 16h – UBS Morangueira, UBS Vila Operária

9h às 17h – UBS Pinheiros, UBS Tuiuti, UBS Iguaçu, PoliclínicaZona Sul e UBS Mandacaru

Coronavac:
9h às 17h – UBS Iguaçu

9h às 16h – UBS Zona 7, UBS Alvorada III, UBS Império do Sol, UBS Vila Operária e UBS Morangueira