Ricardo Barros discute obtenção de recursos para projeto do Pólo de Cinema de Maringá

6 de setembro de 2021
Pólo de Cinema
Um dos assuntos discutidos pelo deputado Ricardo Barros e o Pólo foi a destinação de recursos para projetos cinematográficos

O líder do governo Bolsonaro na Câmara, deputado federal Ricardo Barros (PP), recebeu em seu gabinete representantes da Procinema e do Pólo Cinematográfico de Maringá para dialogar sobre a implementação do projeto de um pólo de cinema, reiterando sua interlocução na atração de recursos para a efetivação do projeto.

Na oportunidade, dialogaram sobre estratégias para inserir Maringá na rota da obtenção de recursos da Secretaria Especial da Cultura, do Fundo Setorial e da Ancine para o segmento audiovisual maringaense.

A motivação do encontro foi a divulgação da recente reunião do Comitê Gestor do FSA realizada em agosto e a deliberação de investimento na ordem de R$ 473,2 milhões para o segmento.

Na avaliação dos presentes, Maringá dispõe de diversos atributos para se credenciar ao recebimento de parte desses recursos, em razão de situar-se dentro dos critérios estabelecidos pelo Comitê: ter empresas produtoras que situam-se fora do eixo Rio-São Paulo, contar com produtoras que realizaram no máximo duas produções de longas-metragens, diretores com um único projeto de longa e, ainda, contar com duas exibidoras entre as 10 maiores do país.

Os diretores têm apresentado o Pólo Cinematográfico a todas as autoridades. Recentemente, por exemplo, foram recebidos para falar sobre o assunto com o governador Ratinho Júnior (PSD) no palácio do governo.

Participaram da reunião com Barros os representantes do Pólo de Cinema Vanessa Lopez, José Padilha, Maurício Borges e Vagner Valério.