Neste domingo tem Live da Campanha do Laço Branco no Paraná. Mobilização é pelo fim da violência contra a mulher

Por: - 5 de dezembro de 2020
Rosas brancas foram distribuídas por advogados a mulheres em Maringá no dia 6 de dezembro de 2019 / Reprodução

A campanha do Laço Branco no Paraná integra as ações dos 16 Dias de Ativismo contra a Violência de Gênero, que ocorrem entre os dias 25 de novembro (Dia Internacional de Erradicação da Violência contra a Mulher) e 6 de dezembro (Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo fim da Violência contra as Mulheres).

É um movimento global criado no Canadá, com o objetivo de sensibilizar, envolver e mobilizar os homens no engajamento pelo fim da violência contra a mulher, a partir de diversas ações realizadas por diferentes setores da sociedade que se encontram engajados na luta pela promoção da equidade de gênero e superação das desigualdades entre homens e mulheres.

No Paraná, em 2020, a campanha do Laço Branco vai ser marcada por uma Live neste domingo, a partir das 11 horas, na página da OAB do Paraná, no YouTube. Em 2019, em Maringá, a Ordem dos Advogados realizou a distribuição de rosas brancas às mulheres para marcar o 6 de dezembro.

Em 2020, a campanha tem como símbolo o laço branco e adota o lema: “Jamais cometer um ato violento contra as mulheres e não fechar os olhos frente a essa violência”.

A Coordenadoria Estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar (CEVID) e o Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR) reconhecem a importância da sensibilização e conscientização da população masculina com respeito às questões de gênero para a prevenção da violência contra a mulher.

Iniciativas como a Campanha do Laço Branco, ao promoverem ações que combatem diretamente as principais causas da violência contra a mulher, trazem importantes contribuições à efetiva transformação social no atual cenário de desigualdade de gênero.

A Campanha do Laço Branco foi criada após o assassinato, por razões de gênero, de 14 mulheres, estudantes da Escola Politécnica na cidade de Montreal, Canadá, ocorrido no dia 6 de dezembro de 1989. O crime mobilizou a opinião pública de todo o país, gerando um amplo debate sobre as desigualdades entre homens e mulheres e a violência, que culminou na criação da campanha.

Essa mobilização é uma maneira de homenagear aquelas mulheres brutalmente assassinadas apenas pelo fato de serem mulheres, bem como de oferecer aos homens a oportunidade de se manifestarem acerca dos abusos cometidos contra a população feminina.

A Campanha do Laço Branco é apontada pela Organização das Nações Unidas (ONU) como uma das maiores iniciativas mundiais direcionadas ao público masculino sobre a temática da violência contra a mulher. No Brasil, o lançamento oficial da Campanha foi realizado em 2001.

As informações são da CEVID e do TJPR. Acesse aqui o link para a live deste domingo.

 

- Quer receber as notícias no seu WhatsApp? Clique aqui.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.