Feira de orgânicos de Maringá adota delivery e começa a vender produtos pela internet

Por: - 7 de julho de 2020
Produtos podem ser adquiridos no site e pagamento realizado por cartão de crédito ou débito / Aldemir de Moraes / PMM

Com a pandemia do coronavírus, diversos serviços precisaram encontrar novos formatos para continuar as atividades. O movimento intenso de pessoas nas barracas e o toque nos produtos, características das feiras livres, não são mais permitidos. Para evitar aglomerações, os itens da Feira do Produtor Orgânico de Maringá começaram a ser vendidos pela internet.

Os produtos podem ser comprados pelo site com cartão de crédito ou débito e serão entregues por delivery no endereço escolhido. Os itens podem ser adquiridos durante a semana e serão entregues nas sextas-feiras, das 8h às 12h e das 13h às 17h. A ação é uma iniciativa da Prefeitura de Maringá, por meio da Secretaria de Inovação e Desenvolvimento (Seide), em parceria com o Instituto de Desenvolvimento Rural (IDR).

Os itens são cultivados por associação de produtores familiares orgânicos certificados. Podem ser comprados frutas, legumes, verduras, pães, ovos, grãos e outros produtos. Para a produtora e presidente da Feira do Produtor Orgânico de Maringá, Ivone Aguiar Melani, o delivery pode ajudar a aumentar as vendas, que ainda não voltaram ao normal.

“Passamos por muita dificuldade quando não tinha feira, sobrou muito produto no campo e começou a estragar. Abriram as feiras, mas algumas pessoas não se sentem seguras para irem à feira e as vendas ainda estão pequenas. O delivery vai ajudar a escoar nossa produção e também vai alcançar um público que não conhece ou não tem hábito de ir à feira, mas gostaria de adquirir produtos orgânicos”, afirma a produtora.

Ivone Melani explica que o novo formato de comercialização dos produtos é uma extensão da feira tradicional, a maioria dos 18 produtores aderiu ao delivery. A produtora destaca que os produtos são certificados e rastreados, o que traz mais segurança e permite que os consumidores conheçam a origem do produto.

Ela também afirma que os itens não são caros. Segundo Melani, em alguns casos, como as verduras, os orgânicos tendem a ser mais baratos do que os produtos convencionais. “Comprando direto do produtor, você consegue adquirir um produto com preço melhor, com mais segurança e incentiva a agricultura familiar”, afirma.

A Feira do Produtor Orgânico de Maringá é realizada nas quintas-feiras e domingos, na Rua Martim Afonso, atrás da Catedral de Maringá. As feiras livres retomaram as atividades no final de abril com novas medidas de montagem, operacionalização e atendimento ao público. No entanto, o novo decreto municipal publicado na segunda-feira (6/7) suspendeu a realização de feiras aos domingos por 14 dias.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.