Casos de coronavírus aumentam mais de 30% após reabertura do comércio em Maringá

Por: - 27 de abril de 2020
Comércio em Maringá pode voltar a ser fechado, diz prefeito Ulisses Maia / Arquivo/ Divulgação

Após uma semana da reabertura do comércio em Maringá, os casos de coronavírus aumentaram 31,4% na cidade. Os dados são da Secretaria da Saúde do município. Até segunda-feira (20/4), foram registrados 54 casos confirmados da doença, já o boletim de domingo (26/4) e segunda-feira (27/4) trazem 71 casos confirmados de coronavírus.

O aumento de 17 casos em  uma semana é significante se comparado ao da semana anterior. Com o decreto a respeito do isolamento social ainda em vigor, do dia 12 de abril até domingo (19/4), apenas seis novos casos de covid-19 foram registrados em Maringá.

Para que o comércio voltasse a funcionar na cidade, regras foram estabelecidas em um decreto municipal. Foi determinado, por exemplo, que o horário de funcionamento seria 10h às 16h.

Há também regras a respeito do número de funcionários por metro quadrado, além da quantidade máxima de clientes e orientações de higienização e distanciamento dentro das lojas.

Segundo o prefeito de Maringá, Ulisses Maia (PSD), se os casos de coronavírus continuarem aumentando nessa proporção, a administração tomará as medidas necessárias a respeito da reabertura do comércio.

“Não há dúvida de que se os casos continuarem aumentando, se necessário, vamos tomar medidas rigorosas, o que inclui sim a suspensão novamente das atividades”, declarou o prefeito.

A possível nova suspensão do funcionamento do comércio terá como critério a capacidade de atendimento da rede hospitalar. No último boletim sobre o coronavírus, a taxa de ocupação hospitalar geral na cidade é de 50,32% em leitos de enfermaria, 62,09% na UTI adulta e 58,18% da UTI neonatal/pediátrica.

De acordo com a Maia, a evolução dos casos de coronavírus está sendo acompanhada de forma técnica, tanto pela Secretaria da Saúde, quanto por instituições de ensino superior, que estão mapeando a disseminação do vírus.

O novo boletim epidemiológico sobre o coronavírus, divulgado nesta segunda-feira (27/4), apresenta um mapa da concentração do vírus em Maringá. Dos casos confirmados, 46% estão concentrados na área central da cidade.

Segundo o prefeito de Maringá, desde o início da pandemia a administração entendia que o isolamento e o distanciamento social seriam a base da prevenção ao coronavírus, assim como comprovam diversos protocolos internacionais.

“Uma de nossas primeiras medidas foi suspender as atividades econômicas por 30 dias. As retomadas seguiram de forma gradual, muitas delas por meio de decisões judiciais. Mas os casos continuam sendo monitorados”, diz Maia.

Frente ao aumento de mais de 30% dos casos de coronavírus, o prefeito diz que continuará a insistir nos princípios básicos de prevenção, o que inclui o uso de máscaras e higienização das mãos como recursos fundamentais de prevenção à pandemia.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.