Maioria das pessoas com coronavírus em Maringá é homem com até 59 anos

Por: - 17 de abril de 2020
Entre os 51 casos confirmados, 59% são homens e 41% mulheres / Agência Brasil

A Secretaria de Saúde de Maringá apresentou nesta sexta-feira (17/4) um boletim epidemiológico completo com o perfil das pessoas com coronavírus na cidade. Entre os 51 casos confirmados, a maioria dos pacientes é homem, 59%, enquanto as mulheres representam 41% dos casos.

A maior parte dos pacientes confirmados, 63%, não tem comorbidade e 71% tem entre 14 e 59 anos. Em Maringá, 82% dos casos confirmados de Covid-19 receberam tratamento em hospitais privados. Os dados são referentes até quarta-feira (15/4).

A taxa incidência de coronavírus em Maringá é menor do que nas outras grandes cidades do Estado, são 12,04 casos por 100 mil habitantes. No Brasil, a incidência é de 13,76 casos por 100 mil habitantes. Municípios como Curitiba, que tem 18,52 casos, e Cascavel com 18,27 casos, estão em estado de atenção.

O número de pessoas que se recuperaram em Maringá é maior do que no Paraná. Dos 51 casos confirmados, 34 se recuperaram, ou seja, 66,70%. No Estado, apenas 31,59% dos 845 pacientes se recuperaram.

O número de novos casos positivos em Maringá vem caindo a cada dia e a curva de notificações está estável. Apesar disso, o secretário de Saúde, Jair Biatto, afirma que as pessoas não podem relaxar as medidas de higiene e distanciamento social.

“Estamos positivando menos casos a cada dia, porque isso é reflexo das medidas que tomamos há 30 dias, lá atrás. Claro que, com a maior mobilidade das pessoas, as pessoas saindo de casa sem controle, pode fazer com que isso se descontrole”, afirmou Jair Biatto durante coletiva de imprensa na sexta-feira (17/4).

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.