Missas públicas são suspensas por 15 dias em Maringá. Santuário Santa Rita de Cássia cancela celebrações do dia 22

Por: - 17 de março de 2020
Cerca de 20 mil pessoas passam pelos seis horários de novena no santuário / Paróquia Santa Rita

O Santuário Santa Rita de Cássia, no Jardim Itaipu, anunciou o cancelamento das missas marcadas para o dia 22 de março. Apesar disso, a igreja e a gruta permanecerão abertas durante o dia para visitação.

No final da tarde desta terça-feira (17/3), a Arquidiocese de Maringá também informou que o Administrador Apostólico, Dom João Mamede, decidiu suspender as missas públicas e atividades nas outras paróquias da cidade.

Newsletter Briefing
O que aconteceu de importante em Maringá, todo início de noite no seu email.
Saiba mais ou cadastre-se:

Bispo de Umuarama, Dom João Mamede anunciou na manhã desta terça-feira (17/3) que as missas e outras atividades ficariam suspensas por 15 dias nas paróquias da Diocese de Umuarama. A orientação é que as celebrações sejam transmitidas por veículos de comunicação ou redes sociais. As igrejas vão continuar abertas para visitação.

À tarde, a mesma decisão foi anunciada para Maringá e toda a área de abrangência da Arquidiocese. A determinação de Dom João Mamede abrange a reunião do clero, retiros, catequese, grupos de oração e reflexão, cursos, palestras e quaisquer outras atividades que possam aglomerar pessoas.

A medida foi anunciada no auditório Dona Guilhermina, ao lado da Cúria Metropolitana de Maringá. Também está cancelado o Mutirão de Confissões em toda a Arquidiocese. Os padres poderão atender confissões individuais.

“Os fiéis católicos poderão acompanhar as Missas pelos nossos meios de comunicação. É importante tomar medidas drásticas agora para conter a pandemia”, argumentou o bispo.

A entrevista na íntegra pode ser conferida no vídeo abaixo.

Em Maringá, milhares de fiéis participam da novena de Santa Rita de Cássia. Segundo o santuário, que leva o nome da santa, cerca 20 mil devotos participam das celebrações no dia 22 de cada mês. No total, são seis missas celebradas às 5h45, 9h, 12h, 15h, 18h e 20h.

De acordo com o comunicado divulgado na segunda-feira (16/3) nas redes sociais do santuário, o objetivo é evitar aglomerações e a proliferação do coronavírus. “Acreditamos que o bem-estar e a proteção da saúde dos nossos romeiros é o embasamento mais relevante e importante para a decisão tomada”, diz um trecho do comunicado.

  • Reportagem foi atualizada nesta terça-feira (17/3), às 18h40, com informações da assessoria de imprensa da Arquidiocese de Maringá sobre o cancelamento das missas e atividades em outras paróquias.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.