Campanha da Fraternidade 2020 homenageia Santa Dulce, primeira santa brasileira

Por: - 26 de fevereiro de 2020
Campanha da Fraternidade faz referência à Santa Dulce dos Pobres / Divulgação

A igreja católica lançou nesta quarta-feira (26/2) em todo o Brasil o tema da Campanha da Fraternidade (CF) 2020. Anunciada no primeiro dia da quaresma, período de 40 dias que antecede à Páscoa, a CF pretende mobilizar os católicos para olhar com compaixão ao próximo, ao necessitado, assim como fez a Santa Dulce.

A reflexão vem do tema da Campanha deste ano “Fraternidade e Vida: Dom e Compromisso” e o lema, “Viu, sentiu compaixão e cuidou dele”.

“O Bom Samaritano é o ícone desta campanha, sinal de quem não desvia o olhar do sofrimento alheio, mas se compadece e se torna capaz de mudar sua rota e cuidar daquele que padece. Diante desta passagem, a Igreja quer despertar uma consciência samaritana para todos no cuidado com o próximo”, explica o padre responsável pela articulação da Campanha da Fraternidade 2020 na Arquidiocese de Maringá, João Paulo Penco.

A Campanha da Fraternidade é organizada pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) há mais de cinco décadas. O tema deste ano foi escolhido quando os bispos do país olharam para os diferentes cenários de mortes no Brasil.

Em carta, a CNBB expõe a situação de extrema pobreza de crianças e adolescentes e da desigualdade na distribuição de renda no Brasil. Além de situações como essas, a carta ressalta as mortes por suicídio, homicídios e no trânsito.

“A Campanha da Fraternidade é sempre uma resposta para uma urgência atual. Ela pretende iluminar a realidade, conscientizar e propor ações de transformação das realidades de sofrimento”, explica o padre Penco.

Segundo o responsável pela articulação da CF em Maringá, durante a campanha é preciso buscar encontrar respostas para amenizar ou até mesmo eliminar as diversas formas de desrespeito e ameças à vida.

Quando questionado sobre a fraternidade do maringaense, Penco acredita que a CF chega para somar. “O povo de Maringá em si é fraterno. Eles amam a cidade em que vivem e com certeza se preocupam com o bem estar do próximo e do progresso do município. A CF certamente somará ainda mais na formação do senso de cidadão”, argumenta.

Além de ajudar a ser uma pessoa melhor, a coordenadora da CF em Maringá, Edilene Fantim de Castro, representante do Movimento de Cursilhos de Cristandade, vê a campanha como um instrumento para o cristão vivenciar em plenitude o tempo quaresmal.

O lançamento da Campanha da Fraternidade  na Arquidiocese de Maringá aconteceu nesta quarta-feira (26/2) pela manhã, na Casa de Acolhida Coração Imaculado, no Distrito de Iguatemi.

Significado da Quaresma

A Quaresma dura quarenta dias e vai do fim do Carnaval até a Semana Santa. Para os católicos, este é o período de preparação espiritual para a Páscoa.

A Igreja Católica aconselha que durante a Quaresma os fiéis façam alguns sacrifícios nos quarenta dias em que Jesus passa por tentações no deserto e aguarda à ressurreição.

O ato de comer carne, por exemplo, está ligado à questão de festas. Por isso, não comer o alimento e fazer jejum significa sacrifício e reflexão.

As cinzas impostas nas testas dos fiéis durante a Missa de quarta-feira de cinzas, que dá início a Quaresma, são dos ramos abençoados no Domingo da Paixão do ano anterior, seguindo um costume do século XII. De acordo com a Igreja Católica, as cinzas simbolizam a condição fraca do homem que caminha para a morte.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.