Como deve se chamar o Terminal Intermodal de Maringá? Said Felício Ferreira ou Américo Dias Ferraz

Por: - 19 de agosto de 2019
Vista do Terminal Intermodal ao entardecer / Divulgação PMM

Nesta terça-feira (20/8) os vereadores de Maringá vão debater sobre o nome do Terminal Intermodal de Maringá. Projeto de Lei apresentado pelo Poder Executivo batiza o local com o nome do ex-prefeito Dr. Said Felício Ferreira. Mas tem uma emenda substitutiva do vereador Jean Marques que propõe homenagear o ex-prefeito Américo Dias Ferraz.

O Dr. Said Felício Ferreira, que morreu em 2010, foi homenageado em nível estadual, ao dar nome ao Hospital Universitário de Maringá. A lei é de autoria do deputado estadual Dr. Batista e foi sancionada em 2013. A homenagem se deve ao fato de que, quando prefeito, Said ajudou a bancar os cursos de Medicina e Odontologia na UEM.

Ao propor o nome de Said Ferreira para o Terminal Intermodal de Maringá, a administração municipal busca homenagear um ex-prefeito que participou de obras importantes na cidade, como a duplicação da Avenida Colombo, a construção do Aeroporto de Maringá, da Estação Rodoviária e do Teatro Calil Haddad. Em nível municipal, Said ainda não recebeu nenhuma grande homenagem na cidade.

Ao apresentar uma emenda substitutiva, para dar o nome do ex-prefeito Américo Dias Ferraz, Jean Marques (PV) citou que o prédio da rodoviária velha, demolido em 2010, teve sua construção iniciada no final da gestão do então prefeito Américo Dias Ferraz, na década de 1950.

E com a morte de Américo Dias Ferraz, em 1983, o local passou a receber o seu nome, por meio de lei aprovada em 1984. “Foi o próprio então prefeito Said Ferreira quem sancionou a lei homenageando Américo Dias Ferraz na rodoviária”, afirmou.

O nome do Terminal Intermodal de Maringá é um dos 15 projetos que vão ser discutidos a partir das 9h30 na sessão ordinária da Câmara de Maringá.

Acesse aqui e veja qual foi o nome oficial aprovado pelos vereadores para o Terminal Intermodal de Maringá.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.