Árvore caiu sobre veículo na Avenida Laguna e vai ter morador que vai passar segunda noite no escuro

Por: - 15 de janeiro de 2019
Carro atingido por árvore na Avenida Laguna / Divulgação Corpo de Bombeiros

Uma árvore caiu sobre um veículo na Avenida Laguna, no entorno do Parque do Ingá, por volta das 17h40 desta terça-feira (15/1). Havia uma pessoa dentro do carro. Ela não conseguiu sair do veículo e o Corpo de Bombeiros foi acionado. A pessoa sofreu apenas um corte na mão.

A chuva que caiu em Maringá no final da tarde desta terça foi bem menos intensa do que o temporal com chuva de granizo registrado na noite de segunda-feira.

Conforme relato de uma leitura do Maringá Post na página oficial do portal no Facebook, na noite desta segunda-feira “uma senhora que caminhava com a família” também ao lado do Parque do Ingá foi atingida por um galho de árvore e teve um ferimento no braço. A mulher foi socorrida por moradores vizinhos, recebeu atendimento médico e está bem.

Por volta das 17h30, a Defesa Civil informou que ainda havia 2.182 unidades consumidoras sem o abastecimento de energia elétrica.

As equipes da Copel trabalham sem interrupções para fazer os reparos, mas foi confirmado que 91 unidades da Rua La Paz, só vão ter a energia elétrica religada nesta quarta-feira (16/1). Na noite de segunda, 24 mil unidades consumidoras chegaram a ficar sem energia elétrica.

Em balanço divulgado no final da manhã desta terça-feira (15/1), a Defesa Civil confirmou a queda de 69 árvores em Maringá, oito sobre casas e portões e três sobre veículos. Houve o rompimento de dezenas de cabos de energia e 15 postes caíram. Além disso, centenas de galhos caíram sobre as vias públicas e foi preciso distribuir lonas em 18 residências.

Em novo balanço, divulgado pela Defesa Civil às 19h20, o número de árvores caídas subiu para 109 árvores, treze sobre casas e portões e sete sobre veículos. Foi confirmada a queda de 15 postes, o número de lonas distribuídas subiu para 21 e foram incluídas duas pessoas feridas.

Na manhã desta segunda-feira, a Defesa Civil também interditou o barracão de uma empresa de transportes, que teve a estrutura afetada pelo grande volume de chuva e granizo.

Outra construção que sofreu danos em Maringá foi o prédio onde funciona o CEEBJA, Escola Estadual Professor Manoel Rodrigues da Silva, na zona 7. O imóvel foi atingido por uma árvore, o telhado quebrou e chegou a chover dentro de uma das salas de aula.

  • Reportagem atualizada às 19h45 com as informações de novo balanço da queda de árvores e incidentes do temporal divulgado no começo da noite pela Defesa Civil. 

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.