Prefeito assina financiamento de R$ 32 milhões para instalação de mil câmeras de segurança em Maringá, que faz parte do projeto “Cidade Segura”

Por: - 6 de dezembro de 2018
Atualmente, município tem 45 câmeras de segurança funcionando (Imagem/PMM)

O prefeito Ulisses Maia assinou nesta quinta-feira (6/12), durante o Encontro de Gestores Públicos Municipais em Foz do Iguaçu, um termo de intenções com o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) para implementar o projeto “Cidade Segura”.

A ideia inicial é instalar mil câmaras de segurança que vão fornecer informações para auxilar os trabalhos da Guarda Municipal. O protocolo assinado com o BRDE vai disponibilizar R$ 32 milhões para Maringá em 2019, dos R$ 70 milhões que a linha de crédito do banco tem disponíveis.

A expectativa do secretário municipal de Segurança, tenente-coronel Antonio Padilha, é que a primeira etapa do projeto “Cidade Segura”, que consiste na instalação das câmeras, seja concluída em 2019. Segundo ele, a ideia não é apenas gerar imagens, mas também informações para formular estratégias de segurança.

“Os recursos não são só para câmeras, mas prevê a aquisição de equipamentos que visem a modernizar a segurança pública. É para manter um suporte, integrar as secretarias e estabelecer ligações com outros órgãos de segurança. Hoje, em termos de segurança pública, não temos uma integração sistêmica e a ideia é ter essa integração”, disse.

De acordo com Padilha, atualmente, o município tem 45 câmeras de segurança em funcionamento. O secretário disse que as imagens “estão sendo úteis neste momento” e que auxiliam o trabalho da Polícia Civil, como na prisão de traficantes e na abordagem de situações suspeitas. Com o financiamento, a ideia é melhorar a qualidade dos equipamentos.

“O projeto é bem amplo, mas nesse primeiro momento visa a aumentar o número de câmeras e mudar o padrão dos equipamentos, como implantar reconhecimento facial nas câmeras. Temos alguns pontos em Maringá nos quais as câmeras poderão captar som e em outros colocar equipamentos com alcance de 360 graus”, explicou.

Seguindo um modelo mundial em que a tecnologia é usada a favor da segurança pública, a Prefeitura de Maringá também testa durante a programação da Maringá Encantada um aplicativo de reconhecimento facial que auxilia na busca de desaparecidos e no reconhecimento de suspeitos.

Promovido pela Associação dos Municípios do Paraná, o Encontro de Gestores Públicos Municipais vai até sexta-feira (7/12). Além de segurança, o evento aborda temas como educação, parcerias público-privadas, captação de recursos, entre outros assuntos da agenda municipal.

Antes de assinar o termo que viabiliza a implantação do projeto “Cidade Segura”, o prefeito Ulisses Maia anunciou a informação pelo Twitter.



Denúncia de suposto assédio em ônibus de Maringá na rede social tem reação enérgica do prefeito. Caso não teve B.O.

A denúncia de suposto assédio em ônibus do transporte coletivo em Maringá feita por meio do Twitter na terça-feira (12/2) chegou até o prefeito...

Concurso do Aeroporto de Maringá tem onze vagas em sete cargos. Salário varia de R$ 1,4 mil a R$ 5,7 mil

O período de inscrições é de 20 de fevereiro a 20 de março. O valor da inscrição varia de R$ 70 a R$ 140.

Após decisão do STF, seis cartórios judiciais de Maringá vão ser estatizados. Saiba quais são

Cabe ao Tribunal de Justiça do Paraná realizar concurso público para estatizar cartórios judiciais privados.

Criado em Maringá, aiqfome é o app de delivery mais bem avaliado do Brasil, à frente do iFood

Na Apple Store, a nota dos usuários do aiqfome é 4.9 e na Google Play, 4.8.

Denúncia de suposto assédio em ônibus de Maringá na rede social tem reação enérgica do prefeito. Caso não teve B.O.

A denúncia de suposto assédio em ônibus do transporte coletivo em Maringá feita por meio do Twitter na terça-feira (12/2) chegou até o prefeito...

Concurso do Aeroporto de Maringá tem onze vagas em sete cargos. Salário varia de R$ 1,4 mil a R$ 5,7 mil

O período de inscrições é de 20 de fevereiro a 20 de março. O valor da inscrição varia de R$ 70 a R$ 140.

Costelaria e choperia de Londrina, Sr. Zanoni, vai abrir no antigo endereço da Costelaria BR3 de Maringá

No cardápio, o Sr. Zanoni oferece assados de picanha, mignon com queijo e costela.

Após decisão do STF, seis cartórios judiciais de Maringá vão ser estatizados. Saiba quais são

Cabe ao Tribunal de Justiça do Paraná realizar concurso público para estatizar cartórios judiciais privados.

Empregos em Maringá

Últimas vagas de Empregos

GUIAS