Calos no cão – Escaras de decúbito

Calos no cão – Escaras de decúbito

Escaras de decúbito são lesões de pele que aparecem com frequência em animais de porte grande e médio. Nada mais são do que “calos de apoio” causados pelo contato da pele com superfícies duras, como o piso. Algumas regiões do corpo que possuem menor revestimento de gordura, como é o caso de “cotovelos” e “calcanhares” são as mais atingidas. Quando o animal se deita, seu peso faz com que as “pontas” dos ossos se atritem contra o solo, tendo apenas a pele como proteção.

Escara de decúbito no cotovelo de um Labrador

Para compensar esse impacto, a pele começa a se espessar, ganhando o aspecto de um calo. Essa é a maneira que o organismo encontra de compensar a falta de gordura nessas áreas.

As escaras de decúbito não causam dor ao animal, porém, em alguns casos elas podem ressecar, rachar e inflamar bastante. Nessa situação, as escaras se transformam num processo bastante doloroso.


Para evitar, ou pelo menos minimizar o aparecimento das escaras de decúbito em cães grandes e médios, procure providenciar um local macio para o animal se deitar. Um colchonete ajuda bastante a diminuir o impacto dos ossos com o chão. Lembre-se que quanto mais duro e áspero for o piso do local onde o animal vive, maiores as chances das escaras aparecerem e causarem problemas. Cães que vivem em jardins ou deitam-se diretamente sobre a terra, apresentam menos escaras do que aqueles que vivem em quintais revestidos por piso de cimento ou cerâmico.

O peso do cão também é um fator predisponente. Se ele for ou estiver muito pesado, mais escaras de decúbito ele terá. O peso do cão deve ser proporcional ao seu tamanho. Se ele estiver gordo, é preciso exercitá-lo e diminuir o alimento para que chegue ao peso correto.

Além dessas duas medidas, providenciar um local macio para o cão se deitar e controlar seu peso, o uso de óleo nas regiões predispostas ao aparecimento de “calos” irá ajudar bastante. Aplicar produtos à base de ureia ou mesmo um pouco de óleo vegetal ou mineral nos cotovelos e calcanhares dos cães evitará rachaduras e poderá até reduzir as escaras existentes no local.

Veja Também:
Problemas dermatológicos
– Alterações na cor da pele e pelagem dos animais