Razões do poker ser ilegal em alguns países

Por: - 23 de setembro de 2019

Considerado como um esporte da mente, o poker cada vez mais está ganhando espaço como uma atividade de entretenimento. Ainda que o poker e especialmente o poker online estejam crescendo em uma velocidade estrondosa, em alguns países ainda é difícil praticar o jogo. Normas, leis e antigas tradições influenciam na proibição do poker em diversas nações. A seguir será possível conhecer um pouco mais sobre as razões que impedem a prática deste esporte.

A consolidação da internet tem auxiliado a propagação de tecnologia em inúmeras regiões do mundo. No caso do poker online, toda a evolução de estrutura do ambiente digital tem sido uma forma dessa atividade progredir. É o momento que o jogo de poker se apresenta como uma significante opção de entretenimento.

Seja para ajudar seus praticantes a entrarem em contato com jogadores de qualquer continente, ou pelo auxílio no desenvolvimento de habilidades como concentração e pensamento lógico, o poker online está cada vez mais sendo encarado como uma relevante atividade do universo da internet. 

Em vários cantos do mundo o poker aos poucos está se afirmando. Além de seu crescimento a partir do ambiente online, é possível notar o surgimento de ligas e associações. Não só o Brasil mas diversos países têm acompanhado a multiplicação de campeonatos promovidos por entidades.

Todo o segmento está se capacitando, consolidando tanto jogadores à nível amador, assim como gerando atletas profissionais. Mais uma prova de que este esporte da mente ainda tem muito espaço para conquistar nos meios físico e digital.

Mesmo com todo o aumento no número de praticantes e com a ascensão econômica do setor, nem todos países liberam a prática do poker. Abaixo serão elencados alguns fatores que impossibilitam este tipo de jogo em determinados países. São pontos que já foram superados inclusive por outras nações. 

– Legislação

A Coréia do Norte é mundialmente conhecida como uma das nações mais fechadas do mundo. No caso do poker não é diferente. Ainda que jogar poker presencialmente ou mesmo via internet sejam práticas proibidas por lei, há indícios que apontam a permissão da prática por parte de turistas. De qualquer forma, é sempre indicado obter o máximo de informações possíveis, para evitar problemas. 

– Religião

Os países árabes possuem predominantemente o islamismo como religião. Sendo assim, apostas, jogos e demais atividades provenientes deste tipo de conduta são extremamente proibidos. Nos Emirados Árabes, por exemplo, tanto a prática física como online do poker são proibidas por lei. Os indivíduos que forem flagrados jogando podem ir direto para a prisão.  

– Política

Ainda que jogar poker em países como a Índia, por exemplo, seja proibido, há quem diga que este impedimento seja uma estratégia política. Afinal, muitos países asiáticos, africanos e do leste europeu são extremamente contra práticas do ocidente. Permitir este tipo de jogo seria como abrir as portas para a prática de uma cultura totalmente diferente, o que possibilitaria a influência de crenças e tradições de outras origens.

– Monopólio

Algo que não impede a prática do poker, mas acaba sendo uma ação a ser discutida é a questão do monopólio. Este modelo ocorre na Polônia por exemplo. Visto como um dos países que têm se desenvolvido bastante nas últimas décadas, a prática do poker nesta nação ocorre a partir de um monopólio ligado ao governo. 

Legislação, religião, política, monopólio. Estes são apenas alguns exemplos que influenciam o bloqueio ou controle severo do poker em alguns países. Outros pontos que podem ser citados como influenciadores da proibição desta atividade são a tradição, a cultura e o modelo de governança. Muitas vezes tais questões são utilizadas para dificultar ao máximo não só o poker, mas qualquer atividade vista como diferente no que diz respeito a costumes e crenças.  

Em países pequenos ou aqueles com alto índice de controle realmente é difícil conseguir ter contato com atividades que são proibidas. Contudo, em nações maiores, devido à grande quantidade populacional somada ao número de turistas, fica cada vez mais complicado manter o controle. Sem contar no fator da ascensão do poker online, que tem crescido em uma velocidade exponencial.

O poker é uma forma de movimentar a economia dos países em que a prática do esporte é permitida. Trata-se de uma iniciativa que pode ir além da satisfação de seus praticantes, ou seja, é uma fonte de geração de receita e também de empregos. Alguns países como Chipre e Malta são exemplos. Nesses lugares existe toda uma cadeia econômica construída a partir da indústria dos jogos.

Respeitando acima de tudo a decisão de cada país de proibir determinadas atividades, é possível ressaltar que algumas nações poderiam começar a considerar os benefícios que o poker pode gerar. Seja para atender as demandas internas ou mesmo parar gerar uma nova fonte de renda a partir do turismo, todo um ecossistema pode ser criado a partir da economia dos jogos.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.