Paulo Gustavo Ribas deixa a Secretaria de Limpeza Urbana

Compartilhar

Titular da pasta desde 2021, ele seguirá na administração municipal, agora na superintendência da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob). Nova secretária da Selurb tomará posse nesta semana.

Por Victor Ramalho

A Prefeitura de Maringá prepara mudanças envolvendo a Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Selurb). No Diário Oficial do município dessa segunda-feira (19), o executivo designou a secretária de Infraestrutura, Maria Lígia Guedes, para responder interinamente pela Selurb. Trata-se de uma formalidade para o anúncio da nova secretária.

Quem assumirá a Limpeza Urbana é Natália Emília Pereira Macedo, atual superintendente da Secretaria Municipal de Obras Públicas (Semop). A informação foi dada inicialmente pelo jornalista Ângelo Rigon, do Maringá News, e confirmada pelo Maringá Post. Ela tomará posse no cargo ainda nesta semana.

Secretário titular da Selurb desde janeiro de 2021, Paulo Gustavo Ribas seguirá na administração municipal. Embora a exoneração dele da Limpeza Urbana ainda não tenha sido publicada, ele já atua em nova função desde a semana passada, ocupando a superintendência da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob), conforme apurou a reportagem. No Portal da Transparência, até a manhã desta terça (20), ele seguia como secretário da Selurb.

Responsável pela poda e remoção de árvores, a Limpeza Urbana foi alvo de críticas de vereadores em 2023, que questionaram os critérios para a realização dos serviços. Em agosto do ano passado, Paulo Gustavo chegou a ir até a Câmara conversar com os parlamentares. Na ocasião, ele prometeu que o município zeraria os protocolos de Emergência até o fim daquele ano, o que não ocorreu. Na ocasião, eram 154 protocolos nesta categoria. Nesta terça-feira, 20 de fevereiro de 2024, são 171 árvores classificadas com pedidos de remoção em Emergência, de acordo com o Portal da Arborização.

Ao Maringá Post, a Prefeitura de Maringá informou, em janeiro, que “as equipes da Secretaria de Limpeza Urbana realizam os serviços de arborização de acordo com a prioridade do laudo emitido pelo engenheiro florestal”. Ao longo do ano passado, conforme o município, 1.172 árvores removidas, número 40% menor que o registrado em 2022, quando foram 2.017 árvores removidas.

Foto: Arquivo/CMM

 


Compartilhar

Autor

Notícias Relacionadas