José Mauro Coelho pede demissão da presidência da Petrobras

ex presidente da Petrobras

José Mauro Coelho pede demissão do cargo de presidente da Petrobras. Ele também renunciou ao cargo de membro do Conselho de Administração.
Foto: Valter Campanato / Agência Brasil

Por Denise Luna

Depois de o governo aumentar a pressão, o presidente demissionário da Petrobras, José Mauro Coelho, pediu para deixar o cargo na manhã desta segunda-feira, 20, segundo informação da Petrobras ao mercado e conforme tinha sido antecipado por fontes próximas ao executivo no fim de semana.

“A nomeação de um presidente interino será examinada pelo Conselho de Administração da Petrobras a partir de agora”, informou a estatal em nota à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Coelho, indicado pelo governo de Jair Bolsonaro para o cargo, tomou posse em 14 de abril e foi demitido no dia 23 de maio. A saída do cargo abre caminho para que o novo indicado pelo governo, Caio Paes de Andrade, tenha sua posse acelerada.

Estadão Conteúdo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.