Trabalhadores encontraram ossada enterrada em canavial, na região de Maringá

polícia científica
Compartilhar

ATUALIZAÇÃO: Após os exames realizados pela Polícia Científica, foi descoberto que a ossada encontrada no local não pertence a seres humanos.

No final da tarde desta terça-feira (9), um grupo de trabalhadores encontrou uma ossada humana enterrada em uma cova às margens da rodovia PR-454, próximo ao distrito de Içara (cerca de 40 km de Maringá).

Os trabalhadores realizavam a aplicação de veneno em uma plantação quando se depararam com os restos mortais que supostamente pertenciam a um ser humano.

Diante da descoberta, o Instituto de Criminalística e uma equipe do Instituto Médico Legal de Maringá foram mobilizados para realizar os procedimentos necessários. Após os exames realizados no setor de Antropologia Forense do Instituto Médico Legal de Maringá, foi descoberto que os restos mortais não eram de seres humanos.

Veja a foto a seguir:

Foto: Wilson Ambergue

Foto ilustrativa: Mariana Gevaerd / PCP


Compartilhar