Prefeita de Querência do Norte é sepultada em Santa Cruz do Monte Castelo

Doutora Rose, como era conhecida Rozinei Aparecida Raggiotto Oliveira, de 57 anos, morreu de complicações causadas pela covid-19

Por: - 1 de maio de 2021
Rozinei Aparecida Raggiotto Oliveira, prefeita de Querência do Norte
A prefeita Doutora Rose foi o terceiro morador de Querência do Norte morto pela covid-19

A prefeita de Querência do Norte, Rozinei Aparecida Raggiotto Oliveira, a Doutora Rose (PSD), que morreu sexta-feira por complicações causadas  pela covid-19, foi sepultada na manhã deste sábado em Santa Cruz do Monte Castelo. O sepultamento na cidade vizinha deve-se ao fato de Rose ter nascido em Santa Cruz, onde ainda se encontra parte de sua família.

O velório de Rose começou às 21h30 na quadra do Colégio Estadual Humberto de Campos e durou toda a noite, quando moradores locais e de cidades vizinhas compareceram para se despedir da política que foi eleita quatro vezes para a prefeitura de Querência da Norte.

Doutora Rose tinha 57 anos e positivou para covid-19 no dia 10. Em seguida, isolou-se em casa e fez a seguinte publicação no Facebook: “Manifestei alguns sintomas, tive febre. A partir de então permaneci em isolamento. Fiz o teste, positivei. Devido a situação ter se agravado, fizemos uma tomografia e a evolução do meu caso está muito rápida”. O marido também se contaminou, mas não chegou a ficar em estado grave.

Nos dias seguintes a situação agravou-se e a prefeita foi internada no Hospital Bom Samaritano, em Maringá, onde alguns dias depois precisou ser intubada.

O município de Querência do Norte decretou luto oficial de três dias e a partir de segunda-feira os vereadores definirão a posse do vice-prefeito Alex Sandro Fernandes (PL) no cargo de prefeito. Ele tem 31 anos e é vigilante.

- Quer receber as notícias no seu WhatsApp? Clique aqui.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.