Servidores de Maringá aceitam proposta de 4% de reajuste salarial e 10% de aumento no vale

Por: - 14 de março de 2019
Servidores decidem aceitar proposta de reajuste salarial feita por Ulisses Maia / Valter Baptistoni

Com uma proposta de reajuste salarial de 4%, apenas 0,06% acima da inflação, o prefeito Ulisses Maia (PDT) conseguiu a aprovação dos servidores de Maringá em assembleia da categoria realizada na noite desta quinta-feira (14/3). O aumento começa a ser pago nos salários de março.

A administração municipal manteve a proposta de aumento de 10% no vale-alimentação. A diferença é que ele reduziu a contrapartida descontada nos salários dos funcionários, dos atuais 20% para 18,5%.

Na prática o valor líquido do vale-alimentação a ser pago aos cerca de 13 mil servidores passa de R$ 250 para R$ 275,07.

A proposta de Maia aos servidores de Maringá foi aprovada na 4ª Assembleia da Campanha Salarial de 2019 convocada pelo Sindicato dos Servidores Municipais de Maringá (Sismmar). O encontro foi no plenário da Câmara de Maringá com a presença de centenas de servidores.

Segundo ofício encaminhado ao Sismmar, a administração municipal informou que o vale-alimentação vai ser estendido a servidoras em licença-maternidade.

Nos salários, a novidade é que a prévia da inflação de 3,57% não se confirmou. Esse percentual correspondia à inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) em janeiro.

Em fevereiro, a inflação fechou em 3,94% no acumulado de 12 meses. A presidente do Sismmar, Iraídes Baptistoni, afirmou que foram tensas as três reuniões realizadas antes da assembleia desta quinta. “Foi uma mesa bastante dura, porque a administração não estava querendo ceder”, afirmou.

Nas reuniões, o argumento da administração foi, novamente, de que um ganho real maior impactaria ainda mais os gastos com a folha de pagamento do funcionalismo. O índice ficaria próximo do limite prudencial que, se superado, acarretaria sanções ao município, entre as quais a vedação da contratação de pessoal ou pagamento de horas extras.

O Sismmar vai encaminhar um ofício na manhã desta sexta-feira à Prefeitura de Maringá para informar o resultado da assembleia. Na próxima semana, o prefeito Ulisses Maia precisa encaminhar um projeto de lei à Câmara de Maringá para aprovar o reajuste nos salários dos servidores, o aumento no valor do vale-alimentação e a extensão do benefício às servidoras em licença-maternidade.