Hossokawa continua presidente da Câmara de Maringá pelos próximos dois anos. Vereador venceu Flávio Mantovani por 11 votos a 4

Por: - 4 de dezembro de 2018
Mário Hossokawa, do PP, continua na presidência da Câmara pelos próximos dois anos. Foto: CMM

Escolhido com 11 votos a 4, o vereador Mário Hossokawa (PP) foi reeleito presidente da Câmara Municipal de Maringá para um mandato de mais dois anos. Hossokawa venceu o vereador Flávio Mantovani (PPS). Quando foi eleito para o cargo de presidente, em 2017, o vereador tinha recebido oito votos.

Pouca coisa muda também na composição da Mesa Executiva, que continua com Mário Verri (PT), como 1º vice-presidente; William Gentil (PTB), 2º vice-presidente; Sidnei Telles, (PSD), 1º secretário e Odair Fogueteiro, (PHS), como 2º secretário. A única mudança foi no cargo de 3º secretário, que passa a ser ocupado por Alex Chaves, (PHS), que entra no lugar de Belino Bravin (PP).

A votação em sessão especial na tarde desta terça-feira (4/12) definiu a Mesa Executiva para o biênio de 2019-2020 e a posse ocorre no dia 1º de janeiro de 2019, em horário a ser definido pelo presidente. A convocação ocorreu no final de sessão ordinária realizada na manhã desta terça.

Votaram em Mário Hossokawa, além do próprio e dos eleitos para a Mesa, Altamir Antônio dos Santos (PSD), Belino Bravin (PP), Carlos Mariucci (PT), Jean Marques (PV) e Onivaldo Barris (PHS). Os votos para Flávio Mantovani foram do próprio vereador, de Chico Caiana (PTB), Homero Marchese (PROS) e Do Carmo (PSL).

Mário Hossokawa está na sexta legislatura na Câmara de Maringá e foi eleito nas eleições municipais de 2016 com 3.746 votos. Depois da votação desta terça, ele ressaltou o fato de ter vencido a eleição para a Mesa Executiva com três votos a mais que na última eleição. “Acredito que no começo da legislatura muitos novatos ainda não me conheciam bem e, agora, estamos trabalhando com mais alinhamento”, avalia.

Ao fim da votação, Hossokawa agradeceu aos vereadores e reforçou que pretende trabalhar em conjunto com aqueles que não votaram nele, lembrando que dois deles, a partir de 2019, assumem como deputados estaduais: Homero Marchese e Do Carmo.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.