Sindicombustíveis-PR consegue liminar favorável ao desbloqueio do terminal de combustíveis de Araucária e tenta o mesmo em relação a outras bases de distribuição

Por: - 28 de maio de 2018
Tanques cheios de gasolina e diesel puros, nos trilhos do Pátio de Inflamáveis de Maringá, na tarde desta quarta-feira (23/5) / Walter Téle

“O Sindicombustíveis-PR obteve uma liminar na Justiça Estadual favorável ao desbloqueio do terminal de carregamento de combustíveis de Araucária, beneficiando todos os postos associados da entidade no Paraná”, diz nota do sindicado dos proprietários dos postos de combustíveis enviada à imprensa nesta segunda-feira (28/5).

A diretoria do sindicato levou a decisão judicial ao conhecimento do comando da Polícia Militar na noite de domingo (27/5), durante a reunião com representantes dos grevistas, que ocorreu no Palácio do Iguaçu.

“O Sindicombustíveis-PR espera, entretanto, que a greve seja encerrada de forma pacífica nesta segunda-feira, sem a necessidade do emprego policial previsto na liminar”, observa o comunicado. Na manhã desta segunda, um oficial de justiça deve levar a liminar até os manifestantes instalados em Araucária.

O departamento jurídico do sindicato, conforme a nota, também trabalha para obter liminar para outras bases de distribuição do Estado. Mas apesar do anúncio do presidente Michael Temer no domingo à noite, os bloqueios na refinaria e nas bases de distribuição foram mantidos até esta manhã.

Efeitos não chegaram aos postos: hoje tem protesto

Até as 14h desta segunda, não havia informações a respeito de abastecimento em nenhum dos 73 postos de combustíveis de Maringá, onde por volta das 15h30 haverá nova manifestação pública do movimento iniciado pelos caminhoneiros há oito dias. A carreata terá início na Avenida Alexandre Rasgulaeff e percorrerá o centro da cidade.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.