Câmara de Maringá aprova em primeira discussão reajuste salarial de 1,81% para os servidores; vale-alimentação vai para R$ 312,50, inclusive nas férias

Por: - 15 de março de 2018
Projetos foram aprovados por 12 votos e voltarão a ser discutidos na próxima sessão (Imagem/CMM)

Em sessão extraordinária realizada nesta quinta-feira (15/3), a Câmara de Maringá aprovou em primeira discussão, por 13 votos, o reajuste do vale-alimentação dos servidores públicos municipais, que passa de R$ 200 para R$ 312,50, com contrapartida de R$ 62,50 do servidor.

Também aprovou por unanimidade o índice de reajuste salarial, de 1,81%, conforme proposto pelo Executivo e aprovado em assembleia dos servidores na noite desta quarta-feira (14/3). Os dirigentes do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Maringá (Sismmar) esperavam mais.

O projeto de lei do Executivo também amplia a entrega do vale-alimentação para o mês de férias do servidor, o que não ocorre atualmente. Como o projeto de lei entrou em regime de urgência, os pareceres das comissões foram feitos oralmente durante a sessão.

Os projetos de lei do Executivo, em regime de urgência, chegaram à Câmara durante a sessão ordinária desta quinta-feira. O reajuste salarial vale para servidores ativos, inativos e pensionistas, incluindo  o prefeito, os secretários e os ocupantes de cargos comissionados.

O presidente da Câmara, Mário Verri (PT) disse que nesta sexta-feira (16/3), às 8h30, será realizada nova sessão extraordinária, para votar a matéria em segunda discussão. “Tem que ser rápido para dar tempo de rodar a folha de pagamentos”, observou.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.