No Prêmio Congresso em Foco, Rubens Bueno e Alvaro Dias são destaques no Brasil e Enio Verri no Paraná

Por: - 20 de outubro de 2017
Rubens Bueno discursa na festa de entrega do prêmio: foi "Destaque no Combate à Corrupção e ao Crime Organizado"

O site Congresso em Foco, que tradicionalmente premia os melhores parlamentares do país, este ano traz dois paranaenses como destaques nos rankings nacionais: o deputado federal Rubens Bueno (PPS) e o senador Alvaro Dias (Podemos).

No ranking por Estado, o maringaense melhor colocado é o deputado federal Enio Verri (PT), que figura em segundo lugar, atrás apenas do Delegado Francischini (SD). A festa de premiação foi realizada na quinta-feira (19) à noite.

Pela primeira vez, os premiados foram escolhidos por três públicos: um júri formado por representantes das áreas empresarial, trabalhista e acadêmica, de entidade do terceiro setor e do próprio site; a consulta popular pela internet; e jornalistas que cobrem o Congresso.

Os prêmios se dividem em sete categorias, sendo três especiais, que podem mudar de um ano para o outro, dependendo dos temas em discussão no Congresso. Este ano foram o combate à corrupção, a defesa da agropecuária e a defesa da seguridade social.

Os outros quatro prêmios são: os melhores deputados federais avaliados pelo júri e os mais votados na internet; e os melhores senadores segundo o júri e os mais votados pelos internautas.

Pela avaliação dos jurados, o parlamentar que mais se empenhou no combate à corrupção foi Rubens Bueno, mas no voto popular o primeiro colocado foi Eduardo Bolsonaro (PSC-SP), com 52.528 votos. Bueno sequer aparece entre os 100 mais votados.

Na classificação por Estado dos melhores do ano, pelo voto popular, o maringaense Edmar Arruda (PSD) aparece na 18ª posição – só concorreram 22 dos 30 paranaenses na Câmara.

O senador Álvaro Dias, o melhor do Paraná, nacionalmente figura entre os primeiros dos “Parlamentares mais bem avaliados pelos jornalistas” (3º) e “Melhores senadores pelo voto popular” (4º).



Estudante de Química da UEM é morto em atentado em Maringá. Mais dois jovens ficaram feridos

O jovem estudante morreu na Rua Mandaguari esquina com a Rua Bragança, na zona 7.

Vítima do atentado em Maringá, professor Mima fazia Mestrado na UEM e dava aulas em cursinho de Apucarana

No Facebook, jovem se apresentava com a frase: "Eu tenho um sonho... Isso é tudo que preciso..."

Autor do ataque em pensionato de Maringá conhecia as vítimas e morava na casa há mais de um ano

O enterro da vítima será nesta segunda-feira (18/3), às 15h, no Cemitério Municipal de Conchas, no interior de São Paulo.

Prazo de inscrições para o concurso do Aeroporto de Maringá se encerra na quarta-feira

Os salários variam de R$ 1,49 mil, para auxiliar administrativo e auxiliar de operações aeroportuárias, a R$ 5,72 mil para engenheiro civil.

Ex-prefeito Silvio Barros é condenado em caso de compra de terras da Cidade Industrial. Ele diz que fez economia para município

Irregularidade apontada é que corretores intermediaram compra de área desapropriada pelo município e receberam comissões.

Estudante de Química da UEM é morto em atentado em Maringá. Mais dois jovens ficaram feridos

O jovem estudante morreu na Rua Mandaguari esquina com a Rua Bragança, na zona 7.

Vítima do atentado em Maringá, professor Mima fazia Mestrado na UEM e dava aulas em cursinho de Apucarana

No Facebook, jovem se apresentava com a frase: "Eu tenho um sonho... Isso é tudo que preciso..."

Autor do ataque em pensionato de Maringá conhecia as vítimas e morava na casa há mais de um ano

O enterro da vítima será nesta segunda-feira (18/3), às 15h, no Cemitério Municipal de Conchas, no interior de São Paulo.

Prazo de inscrições para o concurso do Aeroporto de Maringá se encerra na quarta-feira

Os salários variam de R$ 1,49 mil, para auxiliar administrativo e auxiliar de operações aeroportuárias, a R$ 5,72 mil para engenheiro civil.

Ex-prefeito Silvio Barros é condenado em caso de compra de terras da Cidade Industrial. Ele diz que fez economia para município

Irregularidade apontada é que corretores intermediaram compra de área desapropriada pelo município e receberam comissões.

Empregos em Maringá

Últimas vagas de Empregos

GUIAS