Corinthians derrota São Paulo em Maringá e fatura o título do Brasileiro de Futebol para Amputados

Timão campeão

Orlando Gonzalez

O Corinthians/Mogi conquistou na tarde deste domingo (17) o seu quinto título de Campeonato Brasileiro de Futebol para Amputados. A edição 2019 ocorreu no Estádio Willie Davids, em Maringá, e reeuniu as 12 principais equipes do Brasil. O atual campeão fez a final do campeonato contra o São Paulo e venceu por 2 a 0. Na disputa do terceiro lugar, a Ponte Preta fez 4 a 2 no Instituto Só Vida-SP.

A equipe da Associação dos Deficientes por Amputação de Maringá (Assama), única representante do Paraná, finalizou na sexta posição. A competição, que contou com o apoio da Prefeitura de Maringá, através da Secretaria de Esportes e Lazer de Maringá, foi considerada um sucesso, na questão organizacional e, obviamente, pela boa estrutura do Estádio Willie Davids.

A disputa do título colocou os rivais paulistas, Corinthians e São Paulo, frente a frente. O Tricolor do Morumbi teve o apoio da sua organizada maringaense. Em campo, como esperado, Timão e Tricolor realizaram um grande jogo, de muita qualidade técnica.

Na primeira etapa, as equipes criaram, os jogadores de linha de frente não foram tão precisos, e quando concluíram às metas, os goleiros apareceram para boas defesas.

Na etapa complementar, o Corinthians conseguiu seus dois gols. O primeiro veio com Wesley, aos 13min21 e o segundo com Alan, aos 22min14.

O Corinthians conquistou o título com o seguinte elenco: Allan Eduardo, Fábio Moreira, Felipe Gonçalves, Gabriel Magalhães, Israel Costa Brasil, Jonathan Loures, Marcelino Cardoso Ferraz, Pedro Henrique J. Campos, Rodrigo Walace R. Barbosa, Rogério Rodrigues Almeida, Wesley Magalhães Soares e Willian Machado Farias. Técnico: Rodrigo José.

O São Paulo encerrou vice-campeão com Alexandre Freitas, Alexandre Santos, Alex Sandro Firmino, Anderson Rodrigues, André Gonçalvez, Bruno Frazão, Daniel Nunes de Oliveira, Edvaldo Dionizio, Francisco Frateschi, Micahel Lustosa, Wellington F. Lopes e Wellington Gomes. Técnico: Denis Cidade.

Árbitros: Alexandro de Carvalho Moscardi e Márcio José de Carvalho.

Representante – Shirley Terezinha Antunes

TERCEIRO LUGAR
Na disputa do terceiro lugar, a Ponte Preta derrotou o Instituto Só Vida, por 4 a 2.

REPRESENTANTE DE MARINGÁ
A Cidade Canção recebeu o evento e teve como representante a Assama, que chegou nas quartas de final, mas perdeu de 2 a 0 para a Ponte Preta e terminou o campeonato na sexta posição.

CLASSIFICAÇÃO FINAL
1 – Corinthians/Mogi-SP (campeão)
2 – São Paulo-SP (vice-campeão)
3 – Ponte Preta-SP
4 – Instituto Só Vida-SP
5 – ADFEGO-GO
6 – Assama/Maringá
7 – Pantanal-MT
8 – AMDA/Minas
9 – Faro Rio das Ostras
10 – Bola Pra Frente-SP
11 – Adesul-CE
12 – Aparecidense-GO

(Fotos: Orlando Gonzalez)
MAIS…

Há 28 anos na cobertura do esporte de Maringá. Plantão e narrador esportivo. Prestação de assessoria de imprensa esportiva, cobertura e transmissões ao vivo de eventos esportivos. E-mail: [email protected] WhatsApp: (44) 9 9903-6304
Últimas vagas de Empregos