Gabriella Palhari morre de covid duas semanas depois da mãe, a professora Angelita

Gabriella Palhari, a mãe Angelita Palhari e mais uma irmã foram internadas com covid-19 e ela e a mãe não resistiram aos problemas provocados pela doença

18 de julho de 2021
Gabriella Palhari
Gabriella Palhari e a mãe, a professora Angelita Palhari, são mais duas maringaenses vítimas da covid-19

Foi sepultada no final da tarde deste domingo, no Cemitério Municipal de Maringá, a estudante Gabriella Giovana Palhari Oliveira, de 22 anos, que morreu no sábado depois de 32 dias internada com covid-19. Ela era filha da professora Angelita Teixeira Palhari, diretora do Centro de Educação Infantil (Cmei) Maria Tereza, que morreu aos 48 anos no dia 28 de junho, também de covid-19.

Gabriella estava hospitalizada desde o dia 15 do mês e encontrava-se intubada quando a mãe morreu. Outra filha de Angelita também foi contaminada pelo coronavírus.

Pelas redes sociais, muitas pessoas lamentaram a morte da jovem e a tragédia em família, sempre destacando que outro membro da família também foi contaminado pela doença que matou centenas de maringaenses e mais de meio milhão de brasileiros nos últimos 18 meses.