Cortinas são instaladas entre poltronas para aumentar segurança de passageiros em ônibus

Por: - 4 de maio de 2020
Cortinas separam passageiros e melhoram prevenção contra o novo coronavírus / Divulgação

O Grupo Garcia-Brasil Sul (GBS) está ampliando a instalação de cortinas entre poltronas nos ônibus para a separação dos passageiros. Antes disponibilizadas apenas para os serviços Cabine Cama e Leito Plus, as cortinas começaram a ser instaladas também no Executivo, Semi Leito e Convencional com o objetivo de proteção contra o contágio por vírus. A iniciativa é pioneira no Brasil e propicia privacidade e segurança aos passageiros.

As cortinas serão higienizadas a cada viagem, assim como acontece com a limpeza interna e externa dos ônibus a cada operação. “Queremos proporcionar aos nossos passageiros viagens sempre seguras. Para evitar contágio por vírus, todos os nossos serviços vão operar com esta proteção individual, além de já contarem com limpeza interna diferenciada que torna os ambientes protegidos”, afirma o vice-presidente do Grupo, Estefano Boiko Junior.

Para este momento, outras ações, visando a segurança de todos, ainda serão implementadas. A inovação, inclusive, sempre fez parte das iniciativas do Grupo GBS, como o serviço de cabine-cama com reclinação de 180 graus, o Espaço Mulher que garante a reserva de assentos conjuntos para mulheres, o check-in-digital e a compra de passagens com criptomoedas.

Alguns dos serviços ainda trazem conforto diferenciado aos passageiros com internet a bordo com plataforma de entretenimento, monitores individuais de LCD, luzes com controle de intensidade, kit com travesseiro e manta padrão rede de Hotéis Bourbon, e kit lanche.

A sala VIP Lounge instalada na Garagem da Viação Garcia em São Paulo, próxima à rodoviária na Barra Funda, também foi uma inovação do Grupo ao oferecer serviços de banho, guarda-bagagens, wi-fi, tomadas para equipamentos eletrônicos, água e café.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.