Cocamar fatura R$ 3,9 bilhões em 2017, com crescimento de 9,5% frente a 2016. Meta é chegar a R$ 6 bilhões, em 2020

Por: - 30 de março de 2018
Presidente do Conselho de Administração da Cocamar, Luiz Lourenço discursa na solenidade de 55 anos / Divulgação

A Cocamar Cooperativa Agroindustrial obteve um faturamento de R$ 3,9 bilhões no ano de 2017, 9,5 superior aos R$ 3,6 bilhões de 2016. Resultado positivo também frente aos R$ 2,65 bilhões registrados em 2013. São 50% de crescimento em quatro anos. Os números fazem a cooperativa manter os planos de expansão traçados para 2020, quando a meta é atingir os R$ 6 bilhões.

Nos últimos anos a Cocamar tem diversificado seus negócios, com a expansão da rede de postos, moinhos de trigo e a concessão das revendas de máquinas agrícolas da John Deere na região.

Para 2018, a previsão é superar os números do ano passado no recebimento de grãos, perto de 2,5 milhões de toneladas, vendas de insumos e chegar ao histórico processamento de 1 milhão de toneladas de soja. Neste ano, Os principais investimentos serão concentrados na produção de sementes de soja e trigo.

Em 2017, foram investidos cerca de R$ 580 milhões na modernização e ampliação da estrutura das unidades e do sistema de negócios.

Mais de 50 anos de história

Fundada em 27 de março de 1963, em Maringá, a Cocamar completou esta semana 55 anos de história. A cooperativa começou com 46 produtores de café que queriam organizar a produção regional do produto. Em 1967, o algodão passou a fazer parte da produção.

O ano de 1975 marca o início da expansão com novas unidades na região e, em 1989, uma nova fase quando o então diretor de comercialização e industrialização, Luiz Lourenço, tornou-se presidente.

Foi em 2006 que, deixando os setores de seda e do álcool para focar em grãos. Deu certo e, quatro anos depois, mais de vinte unidades da Corol foram arrendadas. Ainda em 2010, o faturamento da Cocamar atingiu pela primeira vez a casa de R$ 1 bilhão.

Em 2012, o faturamento passou dos R$ 2 bilhões e marcou o crescimento acelerado da cooperativa, com quase 12 mil associados. As mudanças na estrutura de gestão pretendem alavancar ainda mais o bom momento econômico até o ano de 2020.

A Cocamar tem atualmente 2,5 mil funcionários e 14 mil cooperados nos estados do Paraná, São Paulo e Mato Grosso do Sul. Os negócios se concentram num raio de 300 quilômetros de Maringá, onde mantém cerca de 70 unidades operacionais e rede de lojas agropecuárias, região onde recebe soja, milho, trigo, café e laranja.

A cooperativa figura entre as maiores empresas do Brasil pela Revista Exame, sendo a 43ª do Agronegócio do Brasil e 24ª entre as maiores da região sul. Segundo a Revista Amanhã, está entre as 10 empresas mais inovadoras da região sul. A Cocamar foi reconhecida com o prêmio Cooperativa do Ano pela Revista Globo Rural e Melhor Organização do Agronegócio pela Revista IstoÉ.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.