Beckhauser, empresa que produz equipamentos de contenção animal, vai fechar a matriz em Paranavaí e montar fábrica em Maringá. Investimentos chegam a R$ 5 milhões

Por: - 29 de março de 2018

A Beckhauser, empresa que está no mercado desde 1970 e produz balanças e equipamentos para contenção de bovinos e bubalinos, vai fechar a fábrica-matriz em Paranavaí (PR) e abrir uma unidade em Maringá (PR).

A nova planta, com 4 mil m², exigirá investimos de aproximadamente R$ 5 milhões e deve entrar em funcionamento no segundo semestre de 2019. A localização do terreno onde será construída a unidade fabril maringaense ainda está sendo estudada pela diretoria.

A mudança, segundo a direção, foi provocada “por necessidades vitais para o negócio se desenvolver a níveis tecnológicos de alto valor agregado e expansão constante”. A escolha por Maringá (a 99 km de Paranavaí) se deu “embasada em um estudo de viabilidade, comparando dados de diversas regiões do Brasil e, inclusive, do Paraguai”.

A fábrica de Paranavaí conta com 60 colaboradores e a empresa informou que vai oferecer uma política de benefícios aos atuais empregados, por isso ainda não sabe quantos empregos vai gerar em Maringá. “Vai depender do número de colaboradores atuais que vai aderir à opção de mudança”, acrescentou.

Segundo Mariana Beckhauser, que assumiu a presidência em lugar do pai, José Carlos Beckheuser, “critérios como cadeia de suprimentos especializada, facilidades logísticas e disponibilidade de centros de formação e de desenvolvimento tecnológico compuseram a análise”, que levou à decisão da empresa deixar Paranavaí e se instalar em Maringá.

“Outros dados – acrescenta a executiva de 37 anos -, como o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) e do potencial impacto da mudança sobre a equipe também fizeram parte dos estudos”. Além da matriz em Paranavaí, a Beckhauser tem unidade de estoque atacadista em Gurupi (TO), às margens da rodovia Belém-Brasília.

O grupo também tem um Centro Experimental de Manejo Racional, na fazenda Arca de Noé, em Guairaçá (PR), para treinamento e formação de profissionais qualificados, e a HStore, uma Casa do Manejo Racional e Produtivo, em Campo Grande (MS), para comercialização de troncos e balanças.

Segundo José Carlos Beckheuser, “Maringá oferece oportunidades de infraestrutura, como a proximidade de um aeroporto, do porto seco e de rodovias federais e estaduais interligadas, importantes para facilitar o trânsito de pessoas, componentes e matérias primas necessárias para atender a empresa”.

O faturamento da Beckheuser em 2017 ficou na casa dos R$ 20 milhões. Atualmente a empresa possui cerca de 70 colaboradores, sendo 60 em Paranavaí e 10 que atuam no campo.

Sucessão familiar é anunciada junto com nova fábrica

Aos 37 anos, esta semana Mariana assumiu o lugar do pai, José Carlos Beckheuser, que conduzia a presidência da empresa. Há alguns anos, confiando na visão de futuro do negócio, a família iniciou o processo de preparação de sucessão na Beckhauser.

Formada em Comunicação Social – Relações Públicas, Mariana iniciou na Beckhauser em 2005 na área de comunicação e marketing e, nos últimos quatro anos, já nesse processo de preparação para a sucessão, passou a responder pela vice-presidência executiva.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.