Novos empregos injetaram R$ 2,5 mi na economia de Maringá em 2018

Por: - 20 de abril de 2018

Segundo estimativa do Conselho de Desenvolvimento Econômico de Maringá (CODEM), o saldo positivo de empregos proporcionou injeção de aproximadamente R$ 2,5 milhões na economia da cidade nos três primeiros meses do ano.

“Essa projeção é feita considerando a média salarial dos admitidos em 2018”, explica a economista do CODEM, Yasmine da Mata Mendonça.

Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados nesta sexta-feira (20/4), pelo Ministério do Trabalho, mostram que entre janeiro e março, foram abertos 1.674 novos empregos. Foram 18.856 admissões e 17.182 demissões.

“É um resultado da melhora nas expectativas, pois se as empresas estão contratando, quer dizer que estão acreditando em um cenário positivo no futuro. Ao mesmo tempo, essas contratações podem refletir em aumento no consumo das famílias, o que gera dinamismo para o município. Em outros termos, o esperado é que a renda gere o consumo, que por sua vez, vai gerar mais renda”, completa Yasmine.

De janeiro a março, os setores que apresentaram melhor saldo no município foram o de serviços (1.261), da construção civil (266), do comércio (127) e da indústria (74).

Considerando apenas o mês de março, de acordo com o Caged, Maringá criou 386 vagas formais, após 6.440 contratações e 6.054 demissões.

As informações são da assessoria de imprensa do Conselho de Desenvolvimento Econômico de Maringá (Codem).

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.