Primeiro festival online de música de Maringá terá 20 apresentações desta segunda até sexta-feira

Por: - 13 de abril de 2020
O primeiro Festival de Música Online de Maringá foi idealizado pela banda alternativa Banzzai / Larissa Citelli Dutra

Com a pandemia do novo coronavírus, muitas atividades tiveram que se adaptar. Para levar cultura e entretenimento, a banda maringaense Banzzai idealizou o primeiro festival online de música de Maringá e região. Serão 20 apresentações de músicos locais desta segunda-feira (13/4) até sexta-feira (17/4).

As transmissões serão feitas a partir das 19h por meio do perfil no Instragram do FestivalNaGoma. A programação prevê quatro apresentações de 40 minutos por noite, com shows até as 23 horas.

“O festival NaGoma vem para estimular o cenário da música local, autoral e independente. Impactado por esse contexto da quarentena, a ideia surgiu como um meio de combater o desgaste humano gerado pelo isolamento social”, explica João Paulo Fiorenza, um dos idealizadores do festival.

Fioreza conta que as mudanças de hábitos, provocadas pelo isolamento social, prejudicam muito o cenário artístico e musical local. Segundo ele, as apresentações por Live são uma forma de combater o tédio e entreter o público para que fiquem em casa, enquanto consomem produto musical local.

Sobre o processo de seleção das atações, Fioreza conta que a organização visou “democracia nos gêneros musicais”. “Procuramos incluir também artistas que estão correndo trecho regional e nacionalmente, para que tenham espaço e respiro de divulgação dos trabalhos durante a quarentena.”

Outro critério levado em conta durante a seleção foi o conceito de fomentação do trabalho autoral e independente. Ao todo, o festival envolve vários gêneros, do reggae até o hardcore.

O primeiro convidado a subir ao “palco digital” do NaGoma, é a banda indie/alternativo Colombus Street. O nome é uma homenagem à Avenida Colombo, que divide a cidade de Maringá. A banda abre o festival com várias músicas autorais.

Entre as musicas que serão apresentadas nesta noite, está o mais novo lançamento da banda, Entre Linhas. Composta a partir de uma batida de bateria, a música se diferencia de outras composições da banda, na maior parte, feitas a partir de progressões de violão.

Segundo o vocalista, Samuel Rodrigues Amaro, apesar de tudo que vem acontecendo com a pandemia do coronavírus, a banda esta otimista com a apresentação desta noite.

“É a primeira experiencia que eu tenho tocando em um live e acho importante mostrar que mesmo em tempos como este, a música tem força. Tocar em casa não vai ser tão difícil para mim, é um lugar onde me sinto confortável. Apesar de todo esse cenário, estou otimista”, diz Amaro.

De acordo com o vocalista, o contato com o público é muito importante para o artista durante a apresentação e vai fazer falta. “Estar em um espaço físico com o público estreita os laços dessa relação, mas com todo esse caos que esta acontecendo, é o melhor que os artistas podem fazer.”

A ultima apresentação da noite desta segunda-feira (13/4), fica por conta da cantora Cau Russo. Vocalista, compositora e arranjadora na banda Sala de Estar, Cau tem seu espaço no cenário artístico paranaense e continua lutando pela arte em meio ao coronavírus.

“Esse momento trouxe uma nova fronteira a ser conquistada. Essa luta contra o coronavírus está longe de acabar e vamos ter que aprender a lidar com um público onde não vai ter contato físico e o público vai reagir com delay às suas falas”, diz a cantora.

Para Cau, as lives trazem questionamentos importantes a respeito da necessidade real da arte no cotidiano das pessoas. “Eu pergunto, o que faríamos nesse momento de isolamento caso não houvesse a música, o filme, o seriado e afins?” questiona Cau.

Veja a programação completa do Festival Online de música de Maringá; NaGoma

  • Segunda-feira (13/4):

19:00H – Colombus Street
20:00H – Cambaia
21:00H – Mescalha
22:00H – Cau Russo

  • Terça-feira (14/4):

19:00H – Morcego Alaranjado
20:00H – Jesus Luhcas
21:00H – Stolen Byrds
22:00H – Tutu Chama

  • Quarta- feira (15/4):

19:00H – Lubs
20:00H – Maquinamente
21:00H – Rodolfo Rainer
22:00H – Pipeline

  • Quinta-feira (16/4):

19:00H – Família Estranha
20:00H – Pedro Lobo Braza
21:00H – Banzzai
22:00H – Fusage

  • Sexta-feira (17/4):

19:00H – Mariê
20:00H – Guz
21:00H – Samuel Samuca e a Selva
22:00H – Barba Rala

 

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.