Escritora maringaense Priscilla Mazzo lança ‘A Força das Formigas’. É o quinto livro de série

Por: - 18 de novembro de 2019
Priscilla Mazzo, à direita, no lançamento do livro "A lagarta e borboleta" / Arquivo Pessoal

A arquiteta e escritora Priscilla Mazzo vai lançar em Maringá, neste mês de novembro, o livro “A Força das Formigas”. É a quinta publicação de uma série que trabalha com os insetos. Após o lançamento, o livro vai estar disponível para vendas na Livraria Evangélica de Maringá.

Em “A Força das Formigas”, ela aborda o tema força. A obra discute como as pessoas podem buscar seus objetivos primeiramente em Deus e, assim, conseguir recuperar a sua força.

“Se pensarmos nas pequeninas formigas que carregam um peso até cem vezes maior que o seu, entendemos que mesmo pequenas, elas foram capacitadas por Deus para carregar coisas grandes. Nós também podemos ter “A Força das Formigas”. Uma força sobrenatural que nos leva a grandes conquistas”, diz a escritora.

Dentro da série sobre os insetos, Priscilla já lançou os livros “A Lagarta e Borboleta”, “A Serpente e o Vaga-lume”, “Abelha Rainha” e “A Joaninha Talentosa”. Ela afirma que prepara novas histórias e já começou a escrever o próximo livro da coleção.

Nascida em Maringá, Priscilla Mazzo tem 35 anos e é formada em arquitetura e urbanismo pela Universidade Estadual de Maringá (UEM). A escritora faz parte da Comunidade Evangélica de Maringá desde 1993 e se dedica à evangelização desde os 8 anos. Na adolescência, exercia a função de líder de grupos dentro e fora da igreja.

Priscilla também é palestrante e atua como apresentadora de televisão, onde já apresentou os programas “Coração Puro” e “Pensando no Futuro”, veiculados em diversas emissoras do Brasil.

Atualmente, apresenta o programa de televisão “Paz no Lar”, que vai ao ar de segunda a sexta às 20h20 no Canal 10. Ela também produz teatros e musicais bíblicos, como as peças “Rainha Ester” e “Natal, o nascimento de Jesus”.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.