Representantes da região de Maringá, Mobi Colombo e Carol Naemi vencem rodadas de fogo no The Voice Brasil

Por: - 13 de setembro de 2019
Mobi Colombo, à esquerda, e Carol Naemi, à direita, são classificadas para a próxima fase do The Voice Brasil / Montagem

Mobi Colombo e Carol Naemi, as duas representantes da região de Maringá, venceram a fase de rodadas de fogo no The Voice Brasil e estão cada vez mais perto de conquistarem uma vaga para a final. Dessa vez, as participantes se apresentaram ao vivo e em duplas ou trios. Sem o “peguei”, quem não fosse salvo pelo técnico estava fora do programa.

Na noite desta quinta-feira (12/9), Mobi Colombo foi a segunda participante do time de Michel Teló a subir no palco. Ela arrancou elogios dos técnicos com a apresentação de “Amor de Índio”, de Beto Guedes. “Que beleza de apresentação, que delicadeza da sua parte”, afirmou Lulu Santos.

Além de Mobi, que é moradora de Santa Fé, a 30 quilômetros de Maringá, o time de Teló trouxe apresentações de Bruna de Paula e Samuel Marques. Ao final, o técnico Michel Teló salvou Mobi Colombo e Bruna de Paula. As participantes seguem para a próxima fase.

Com apenas 17 anos, Mobi é estudante do terceiro ano do ensino médio e se prepara para fazer o curso de Psicologia. Em paralelo ao desejo de conquistar o Brasil nos palcos, a jovem quer atuar na área de musicoterapia.

Na terça-feira (10/9), a técnica Ivete Sangalo escolheu a maringaense Carol Naemi e Steici Lauser para representar o time na rodada de fogo. Carol Naemi se apresentou com a música “All Night Long”, de Lionel Richie, e foi a escolhida por Ivete Sangalo para continuar na competição.

Após anunciar a decisão, Ivete aconselhou Carol a confiar que é uma grande cantora. “Você precisa se entregar, acreditar, você tem essa voz. Não tenha medo de assumir que você é uma grande cantora. Você está sempre ali tentando criar uma linha para não ultrapassar, mas, por favor, ultrapasse”, disse a técnica.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.